Publicidade
Cotidiano
Rebecca testa candidatura

Rebecca Garcia testa candidatura

Secretária de Estado de Governo recebeu, no plenário da Câmara Municipal, manifestação de apoio ao projeto político dela 18/06/2013 às 11:56
Show 1
Deputada licenciada Rebecca Garcia trocou a Câmara Federal pelo Governo do Amazonas para ganhar musculatura eleitoral
Joelma Muniz Manaus

Pré-candidata ao governo do Amazonas nas eleições de 2014, a deputada federal licenciada e secretária de Governo, Rebecca Garcia (PP) usou, na segunda-feira(17), o plenário da Câmara Municipal de Manaus (CMM) como vitrine da  sua eventual candidatura. Com o pretexto de falar sobre o Proama, programa que não está diretamente ligado à sua pasta, Rebecca foi aparteada diversas vezes por vereadores que manifestaram apoio ao projeto político da deputada federal.

Durante seu pronunciamento, na tribuna da CMM,  Rebecca evitou falar sobre articulações políticas, mas não fugiu do assunto quando questionada pela imprensa. Com discurso tranquilo, disse que qualquer parlamentar que afirme não sonhar em ocupar o cargo de governador está mentido. “Na política isso é motivo de ascensão, você ta sempre se preparando para disputas como essas. Se você vai ter condições ou não o povo é quem vai dizer”, ressaltando, que pretende encomendar pesquisa junto ao eleitorado para conhecer seu nível de aceitação.

“A pesquisa dirá se uma candidatura é viável ou não. Mas, este é um ano de trabalho e temos que nos esforçar para que tudo seja realizado a tempo de não ser prejudicado por conta do período eleitoral, onde tudo para um pouco. Queremos deixar as coisas bem encaminhadas no governo do Estado”, afirmou a secretária de Governo, que em 2012 desistiu de concorrer à Prefeitura de Manaus na véspera da convenção. 

Rebecca também comentou a possibilidade de disputar os votos do amazonenses com o vice-governador José Melo (PMDB), com quem disse ter uma excelente relação. De acordo com ela, ambos entendem que candidatar-se é um direito garantido pela democracia, e que o povo é quem escolherá quem pode representá-lo melhor. “Não vejo problemas, acredito que ele também pense assim”, falou.

Durante o discurso de Rebecca, na tribuna, vereadores da base do prefeito Artur Neto (PSDB) levantaram a possibilidade da candidatura dela ao Governo. “Agradecemos a força de vontade que a deputada tem demonstrado. Uma mulher guerreira e que eu tenho certeza terá um importante papel em 2014, Rebecca Garcia é um exemplo”, disse  Álvaro Campelo.  “Temos orgulho do trabalho prestado por Rebecca. Provavelmente em 2014 a deputada terá espaço para disputar novos cargos”, afirmou Marcelo Serafim (PSB).

 

 

Quando esteve em Brasília com a direção do PP, na semana passada , Rebecca lembrou que, ao ser convidada por Omar Aziz para ocupar a Segov, o governador não citou nenhum projeto de vice-governança: “Em primeiro lugar não existe candidatura a vice. Logo, é difícil ser cotada a esse cargo. Outra questão é que não está dentro do PP indicar vice-governador, pois, o PP tem seus projetos tanto no âmbito estadual quanto federal”.

Plano diretor para área de saneamento

O consórcio formado pela Prefeitura de Manaus e o Governo do Estado para a implantação do Proama, programa criado para resolver o problema do abastecimento de água nas Zonas Leste de Norte de Manaus, estuda a realização de um plano diretor voltado para área de saneamento na cidade. A declaração foi dada pela secretária de Governo, Rebecca Garcia, na segunda-feira(17), na Câmara Municipal de Manaus (CMM).

Rebecca participou de uma reunião na semana passada em Brasília com técnicos do Amazonas, Ministério das Cidades e o secretário nacional de Saneamento Ambiental, Osvaldo Garcia, sobre o Proama. Ela disse que o prefeito Artur Neto (PSDB) já contactou a Fundação Getúlio Vargas (FGV) para o  estudo seja entregue em até 90 dias.

 “A ideia é que até o fim do ano o sistema já esteja funcionando. Isso não é terminativo, mas estamos trabalhando para isso. Por isso esperamos que tudo seja rápido, não há necessidade de debatermos mais, porque já o fizemos por muito tempo. Para quem tem água encanada o tema água é uma maravilha, palanque para 10 anos’, criticando comentários de vereadores da bancada de oposição, que demonstraram interesse em prolongar o tempo de debate do projeto de um plano diretor para o saneamento.

Publicidade
Publicidade