Publicidade
Cotidiano
Recadastramento biométrico

Recadastramento biométrico em mais dois municípios do Amazonas

Itacoatiara e Novo Airão iniciam em outubro processo de identificação do eleitor pelas digitais 24/09/2013 às 10:21
Show 1
Recadastramento biométrico já ocorreu no município de Rio Preto da Eva
Adriana Farias Manaus

A Justiça eleitoral vai realizar entre os dias 9 de outubro de 2013 a 14 de fevereiro de 2014, a coleta de dados biométricos dos eleitores de Itacoatiara(a 170 quilômetro  de Manaus) e do dia 16 de outubro a 14 de novembro o recadastramento ocorrerá  no Município de Novo Airão (a 115 quilômetros da capital).

Os eleitores deverão comparecer munidos de documento de identificação com foto, além do documento que comprove que o município é seu domicílio eleitoral. Aqueles que não comparecerem terão seus títulos cancelados e também ficarão sem o documento aqueles que não conseguirem confirmar o município como domicilio.

O eleitor que possuir restrição com a Justiça eleitoral, tendo como exemplo aqueles que não votaram e não justificaram, ou aqueles que não atenderam a convocação para auxiliar os trabalhos eleitorais, só participará da revisão biométrica após quitação de débitos.

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM) já realizou a revisão biométrica nos municípios de Presidente Figueiredo,  Careiro da Várzea e em Rio Preto da Eva. Em  Rio Preto da Eva, o recadastramento segue até o dia 18 de outubro. Na programação do TRE-AM, depois de Novo Airão e Itacoatiara, estão os municípios de  Manacapuru e Iranduba.

O cadastro permitirá a identificação do eleitor por meio de sua impressão digital nas eleições de 2014. Desde o inicio do ano, 163 municípios iniciaram o a identificação de seus eleitores pela impressão digital em todo Brasil. No Amazonas, sete Municípios passarão pelo processo, nesta primeira fase: Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva, Careiro da Várzea, Novo Airão, Manacapuru, Iranduba e Itacoatiara, todos situados na Região Metropolitana de Manaus.

Publicidade
Publicidade