Publicidade
Cotidiano
Notícias

Rede Calderaro apresenta propostas ao Boi Caprichoso

Os dirigentes do boi campeão de 2012, conheceram passo a passo todo o pacote de investimento e mídias oferecido pela RCC, cujo objetivo é a transmissão regional ao vivo em Full HD e 3D 29/01/2013 às 19:26
Show 1
Dissica Calderaro apresenta proposta de transmissão do RCC ao Boi Caprichoso
jonas santos Parintins (AM)

O diretor-presidente da TV A CRÍTICA e diretor de Planejamento e Marketing Corporativo da Rede Calderaro de Comunicação, Dissica Calderaro, apresentou nesta terça-feira (29) em Parintins (a 325 quilômetros de Manaus) a diretoria do boi Caprichoso, a proposta da emissora de transmitir o Festival Folclórico deste ano.

Receptivos, no encontro, os dirigentes do boi campeão de 2012, conheceram passo a passo todo o pacote de investimento  e mídias oferecido pela RCC, cujo objetivo é a transmissão regional ao vivo em Full HD e 3D, inserções o vivo nos programas da Rede Record e Rede TV, transmissão dos currais em Manaus, a gravação dos DVDs do Centenário dos bumbás e aporte financeiro as agremiações. Márcia considerou importante a presença do diretor na cidade, fez elogios a ele, e disse que as propostas serão avaliadas.

“Vamos agora reunir nossa diretoria e avaliar os pontos dessa reunião e das propostas apresentadas pela Rede Calderaro”, afirmou.

A presidente disse que o boi Caprichoso esteve sempre aberto a conversar com a direção da TV A CRITICA e de quantos veículos de comunicação demonstrar interesse em divulgar a festa maior do povo parintinense. “Estamos abertos a conversar porque não assinamos contrato, assinamos um termo de intenção e estamos abertos para sentar e conversar com qualquer empresa”, afirmou Márcia, referindo-se ao protocolo de intensões que assinou com a TV Amazonas/Amazon Sat, emissora que também postula transmitir o evento.

 A reunião que aconteceu no escritório central, do Caprichoso, durou mais de quatro horas. No encontro dirigentes, membros do Conselho de Artes e do Conselho Fiscal tiraram dúvidas sobre o projeto de transmissão do Festival de Parintins, apresentaram propostas de readequações para a divulgação do evento e as demandas do bumbá.

Dissica deixou a reunião otimista e satisfeito com o resultado do encontro.  “ Estamos colocando a RCC, o nosso trabalho e todo envolvimento do grupo,  mais uma vez  a disposição do Caprichoso. E também agradecer a oportunidade que a agremiação nos deu em mostrar a sua diretoria e a sua torcida a nossa proposta”, disse. “Foi uma reunião maravilhosa, esclarecedora e que pôde mostrar anseios  e sugestões que enquanto Rede precisamos também melhorar”, acentuou Dissica.

Na reunião, Márcia não assinou nenhum protocolo de intenções. Ela disse que sua administração é transparente e que não vai fazer leilão sobre o processo de transmissão do evento. “Não acho coerente assinar com uma, duas, quatro ou cinco emissoras. Vejo isso como tipo um leilão. Assinamos com uma e vamos conversar. Mas estamos abertos, com quantas mais tiver interesse”, assinalou a presidente. A RCC já havia apresentado a mesma proposta de transmissão ao presidente do boi Garantido, Telo Pinto. “A proposta da RCC é mais vantajosa”, disse o
dirigente.

Centenário

Na semana passada, Márcia Baranda, apresentou, durante a divulgação das novas toadas,  a identidade visual dos 100 anos do Caprichoso. Ela também anunciou a produção de uma coletânea, com cinco CDs, que trarão um repertório de 100 toadas, que marcaram um século de história do boi. Os torcedores se prepararam agora para a gravação do DVD “Centenário de uma paixão” marcado para o dia 09 de março, em Parintins.

Publicidade
Publicidade