Sábado, 16 de Outubro de 2021
VOLTA POR CIMA

Reeducando que participou da construção da Arena da Amazônia celebra oportunidade no estádio Ismael Benigno

Estádios receberão a Seleção Brasileira para o jogo diante do Uruguai, em 14 de outubro



Reeducando_atua_na_Colina__Mauro_Neto_-_Faar__771F3631-CDEB-4060-9F96-EEAB50A66EF8.jpeg FOTOS: Mauro Neto/Faar
24/09/2021 às 14:07

Criado em 2019 pelo Governo do Amazonas, o programa Trabalhando a Liberdade segue mudando vidas promovendo oportunidades de trabalho para reeducandos do sistema prisional. Victor Ramos (nome fictício), de 35 anos, é mais um destes casos de transformação proporcionada pela Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), com o apoio da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar).

Natural de Nova Olinda do Norte (a 135 quilômetros de Manaus), o reeducando trabalhou na construção da Arena da Amazônia Vivaldo Lima e hoje atua na revitalização do estádio Ismael Benigno, palcos que receberão a Seleção Brasileira para o jogo diante do Uruguai, em 14 de outubro.



“A reclusão foi um aprendizado. Em 2011, cheguei a trabalhar na construção da Arena da Amazônia, mas voltei para a criminalidade. Hoje eu me arrependo. Desde 2018 procurava emprego, mas não conseguia devido ao meu passado. Agora começamos aqui, e não quero errar mais”, afirmou.

Por meio do Trabalhando a Liberdade, o apenado atua em atividades como pintura, alvenaria e manutenções elétricas e hidráulicas, no estádio Ismael Benigno. Na Colina, a seleção brasileira realizará os treinos preparatórios para o clássico.

“Agradeço muito. É gratificante, eu me sinto feliz, precisava disso, na rua não tinha alegria. Hoje trabalho alegre, com vontade, tudo que eu faço aqui é com amor. Sempre que eu rezo, ponho a vida das pessoas que estão no projeto, todos que estão envolvidos”, contou.

Além da Colina, a Vila Olímpica de Manaus e o estádio Carlos Zamith recebem a mão de obra do programa de ressocialização.

“O termo de cooperação técnica entre a Seap e a Faar une a revitalização dos espaços esportivos com a oportunidade de emprego para essas pessoas recomeçarem suas vidas. A velocidade com que as revitalizações estão caminhando mostra a capacidade dos reeducandos em participar das revitalizações das praças”, aponta o diretor-presidente da Faar, Jorge Oliveira.

Após concluir a revitalização na Colina, Victor espera acompanhar uma partida de futebol no estádio. “Minha vontade era conhecer, nunca tinha entrado. Quero ter a oportunidade de ver um jogo aqui. E maior do que isso, também quero realizar o sonho de continuar trabalhando com construção civil", completou.

 

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.