Sexta-feira, 05 de Junho de 2020
POLÍTICA

Reizo Castelo Branco fala sobre mudanças no comando do PTB-AM

Deputado Saullo Viana deve assumir direção do comitê municipal e o vice-governador Carlos Almeida a presidência da sigla no estado



REIZO-CASTELO-BRANCO-PTB_TIAGO-CORREA-1024x580_A1CC9AFC-DCBE-4D41-B7C5-5455AE1C5916.jpg Foto: Divulgação
11/03/2020 às 15:42

O vereador Reizo Castelo Branco (PTB) chamou de “importante” a migração do vice-governador Carlos Almeida e do deputado estadual Saullo Viana para o PTB. Segundo o vereador, toda a mudança foi acertada com o presidente do partido, Roberto Jefferson.

"Toda mudança dentro do partido foi combinada e conversada com o presidente Roberto Jefferson. Sempre tratei diretamente com o presidente, que dentro do partido foi como um pai para mim e um pai para o meu pai, honrando a palavra dele com a gente sempre", destacou.



Nesta terça-feira (10), o deputado Saullo Vianna anunciou sua filiação ao Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). O deputado deve comandar o comitê municipal do partido, que é responsável pela escolha de candidatos a vereador e prefeito. O vice-governador Carlos Almeida Filho também migrou para a sigla e deverá ser o presidente estadual do partido.

Perguntado sobre o nome do PTB para Prefeitura de Manaus e se seu nome era considerado, Reizo disse que, por enquanto, o partido ainda está em fase de construir os quadros da executiva municipal e se limitou a dizer que o partido "será protagonista das eleições municipais de 2020".

" O que eu posso adiantar é que o Saullo será o presidente municipal e o vice-governador Carlos Almeida vai ser o presidente regional", informou.

O Partido Trabalhista Brasileiro planeja lançar uma chapa com quarto vereadores. Atualmente o PTB conta com dois vereadores na Câmara Municipal de Manaus

Reizo Castelo Branco, que é 1°suplente dos deputados federais Bosco Saraiva (Solidariedade), Pablo Oliva (PSL), Átila Lins (Progressistas) e Marcelo Ramos (PL), considerou que pode vir a assumir alguma vaga na Câmara Federal, caso for necessário.

" A gente nunca sabe o que pode acontecer. Sou 1° suplente de quarto deputados federais, se eu assumo uma vaga em Brasília, mais um vereador que vai ficar no meu lugar. Quem podia imaginar que meu pai assumiria uma vaga na Câmara na eleição passada", lembrou.

O ex-presidente do comitê estadual do PTB lembra que antes da migração do vice-governador Carlos Almeida (ex-PRTB) e do deputado Saullo, o partido esperava filiar o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM), mas por demora na saída do parlamentar do PSD, o PTB decidiu avançar sem Josué.

"A vinda do Josué foi tratada comigo juntamente com o Roberto Jefferson, ele não consegiuiu naquele momento a sua liberação do seu partido e acabou prolongando a saída pro PTB. Aí o PTB teve que seguir em frente, perdeu espaço no partido", comentou.

Em 2017, Reizo assumiu o comitê estadual do PTB no lugar do pai, ex deputado federal Sabino Castelo Branco, que passa por tratamento de saúde.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.