Publicidade
Cotidiano
Reunião do CAS

Reunião do CAS vai analisar 31 projetos na segunda-feira(19)

O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimental, vai presidir a 263ª reunião do Conselho de Administração da Suframa 17/08/2013 às 08:31
Show 1
Setor de duas rodas na ZFM mostrou estabilidade no primeiro semestre e espera melhora nas vendas para o segundo
Jornal A Crítica Manaus

O Conselho de Administração da Suframa (CAS) vai analisar na segunda-feira(19), no auditório da autarquia, 58 projetos industriais e de serviços que preveem a soma de US$ 975.4 milhões em investimentos totais e a geração de 1.950 novos postos de trabalhos no Polo Industrial de Manaus (PIM) em três anos (prazo para implantação dos projetos após aprovação). A 263ª reunião do CAS, que começa às 14h30, será presidida pelo ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Fernando Pimentel, e também está prevista a presença de uma comitiva de ministros da Venezuela.

Na terceira reunião do CAS de 2013 serão avaliados 31 projetos de ampliação, diversificação e atualização e 27 de implantação. Entre os destaques de implantação estão a Daikin, multinacional japonesa líder na produção de condicionadores de ar no Japão e Estados Unidos. A empresa pretende fabricar condicionadores de ar em Manaus no sistema ponta a ponta, com alto nível de verticalização, com recursos totais projetados em US$ 115.4 milhões. Inicialmente, a Daikin vai fabricar condicionadores de ar (tipo split) para uso doméstico e expandir, futuramente, para o segmento corporativo e industrial. Também no segmento de condicionadores de ar tipo split a Climazon irá investir mais de US$ 89.6 milhões.

Outro destaque é o projeto de implantação da Novamed Fabricação de Produtos Farmacêuticos para a produção de medicamentos de uso humano (pastilhas, drágeas e comprimidos) com investimento total previsto de US$ 197 milhões.

Na pauta de diversificação, a Springer Plásticos da Amazônia planeja investir US$ 1.2 milhão para fabricar assentos para veículos de duas rodas; e a Unicoba da Amazônia projeta a produção de lâmpada LED, baseada em tecnologia digital. Entre os projetos para área de eletroeletrônicos e bens de informáticas, a Semp Toshiba Informática planeja fabricação de tablets, notebooks e unidades de processamento digital (US$ 18.4 milhões de investimentos totais previstos); a Philips está na pauta com a produção de tablets (US$ 50.6 milhões de investimentos totais previstos); e a Philco Eletrônicos S.A. com a produção de telefones celulares (US$ 57.3 milhões de investimentos totais previstos).

Quinzena com 0,8% de crescimento

Levantamento divulgado pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), com base nos licenciamentos registrados pelo Renavam, mostra que foram emplacadas 64.688 motocicletas na primeira quinzena deste mês, volume 0,8% superior em relação ao mesmo período de julho (64.200 unidades). Em comparação com os primeiros quinze dias de agosto de 2012 (66.521 unidades), houve uma retração de 2,8%.

A média diária de vendas nos 11 dias úteis do período analisado foi positiva. Foram comercializadas 5.881 motocicletas por dia útil, correspondendo a 0,8% a mais sobre a quinzena inicial do mês anterior (5.836 unidades). Em 2012, foram vendidas 6.047 unidades por dia útil da primeira quinzena de agosto.

“O volume de vendas da primeira quinzena caracteriza uma estabilidade no mercado entre julho e agosto. Esperamos um avanço nos negócios neste semestre, em função de incentivos à comercialização, como o lançamento de novos modelos, campanhas de marketing e a realização do Salão Duas Rodas, em outubro, em São Paulo”, diz Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo.



Publicidade
Publicidade