Publicidade
Cotidiano
Notícias

Ricardo Chagas, prefeito de Rio Preto da Eva renuncia o mandato nesta quinta-feira (03)

Prefeito de primeiro mandato, o médico Ricardo Chagas foi afastado preventivamente do posto no dia 18 de junho por determinação da juíza Patrícia Macedo de Campos 03/12/2015 às 16:43
Show 1
A carta-renúncia foi entregue à presidência da Câmara Municipal e lida em plenário
Aristide Furtado Manaus (AM)

O prefeito de Rio Preto da Eva (município a 80 quilômetros de Manaus) Ricardo Chagas (PRP) renunciou ao mandato nesta quinta-feira (3), um dia antes de uma comissão processante composta por vereadores decidir se ele deveria ser cassado ou não. 

A carta-renúncia foi entregue à presidência da Câmara Municipal e lida em plenário. Escrita de próprio punho, nela Ricardo Chagas justifica a desistência do cargo por motivos pessoais e diz que informou a decisão à Justiça Eleitoral. 


Prefeito de primeiro mandato, o médico Ricardo Chagas foi afastado preventivamente do posto no dia 18 de junho por determinação da juíza Patrícia Macedo de Campos em uma ação civil pública de improbidade administrativa de autoria do Ministério Público Estadual (MP-AM). Desde então, o município estava sob o comando  do vice-prefeito Ernani Santiago (PRB) que também é médico. 

Contra o ex-prefeito pesava a acusação, do MP-AM, de atraso sistemático do pagamento dos servidores municipais e o  descumprimento de um termo de ajustamento de conduta celebrado com a promotoria de Justiça para regular essa situação. Quando concedeu a liminar (decisão rápida e provisória) afastando o prefeito por 180 dias das funções a magistrada ressaltou que a pendência da folha de pagamento de  abril e maio totalizavam R$ 1,9 milhão. 

Publicidade
Publicidade