Publicidade
Cotidiano
Notícias

Rodoviários, vigilantes e profissionais da saúde prometem paralisar atividades

Vigilantes farão isso nesta sexta-feira (1º). Rodoviários e trabalhadores da Saúde, ainda no primeiro semestre 31/01/2013 às 08:43
Show 1
No ano passado, a paralisação começou também pela Caixa Econônica
Adan Garantizado Manaus

Os vigilantes do Estado serão a primeira categoria a paralisar as atividades no Amazonas em 2013. Mas outras duas - rodoviários e trabalhadores da Saúde - podem fazer a mesma coisa ainda no primeiro semestre.

Em protesto pela não aplicação da lei 12.740/2012, que garante um adicional de 30% por periculosidade nos salários, os vigilantes cruzam os braços amanhã de manhã, em adesão a um movimento nacional da categoria.

A paralisação começará na Caixa Econômica Federal da rua Barroso, no Centro. O sindicato da categoria espera mobilizar 3 mil vigilantes no ato.

“Já está tudo acertado. Este protesto será em nível nacional para mostrarmos nossa força. As empresas estão se negando a cumprir a lei e não querem conversa. Então o único jeito de chamar a atenção é parar. Sem vigilantes, as agências bancárias não funcionam”, enumerou o diretor do Sindevam, Adolfo Torres.

Uma assembleia na segunda-feira decidirá se os vigilantes iniciam uma greve no Estado. Atualmente, a categoria emprega 17 mil pessoas, sendo 13 mil em Manaus. O Sindicato das Empresas de Segurança Privada (Sindesp), defende que a lei, apesar de publicada, ainda não está regulamentada. E deseja incluir as negociações pelos 30% apenas na convenção coletiva dos vigilantes, em 1º de abril.

“Já entramos com uma ação cautelar contra a paralisação. para falar a verdade, acho que o movimento será bem fraco, pois não vejo muita adesão nas agências. O sindicato deles precisa aguardar a regulamentação da lei. Vamos tentar marcar reuniões na semana que vem para chegar à uma solução”, disse o presidente do sindicato patronal, Orlando Guerreiro.

(A íntegra deste conteúdo está disponível para assinantes digitais ou na versão impressa).

Publicidade
Publicidade