Domingo, 26 de Maio de 2019
ARTICULAÇÕES

Sabá Reis é cotado para ser o novo líder do Governo na Assembleia

Além de Sabá, figuram como candidatos ao posto os deputados estaduais Abdala Fraxe (PTN), Belarmino Lins (Pros) e Josué Neto (PSD).



sabare.jpg
Sabá afirmou que ainda não falou com o governador sobre a questão
30/01/2017 às 06:26

Membros da base governista dão como certa a nomeação nesta semana do deputado Sabá Reis (PR) para o posto de líder do governo na Assembleia Legislativa do Estado (ALE-AM), em substituição a David Almeida (PSD), eleito presidente da Casa Legislativa para o biênio 2017-2018.

Mas os próprios aliados enxergam um ponto que pode acabar tirando-o do leque de opções do governador: a ausência em plenário. O parlamentar tem o costume de deixar o local após o pequeno expediente.
“As condições para ser líder são, dentre outros requisitos, a frequência em plenário, e muito mais agora em um biênio eleitoral que tem tudo para ser conturbado”, comentou um deputado, que diz torcer pela nomeação de  Sabá Reis.

Além de Sabá, figuram como candidatos ao posto os deputados estaduais Abdala Fraxe (PTN), Belarmino Lins (Pros) e Josué Neto (PSD). Na teoria, Sabá, que hoje é vice-líder, teria mais chances. Na eleição de 2016, Sabá concorreu à Prefeitura de Autazes, onde foi o menos votado.

Em seu perfil no site da ALE-AM, Sabá Reis dá destaque ao fato de ter sido, por duas vezes, secretário de ação social, do Estado e do Município, e presidente do Instituto Estadual do Bem Estar do Menor (Iebem), nos governos de Gilberto Mestrinho e Alfredo Nascimento, respectivamente. 

Procurado pela reportagem, Sabá Reis, afirmou por meio de sua assessoria de comunicação, que ainda não conversou com o governador José Melo (Pros), sobre a possibilidade de ocupar o posto de maior confiança do chefe do Executivo Estadual, o de líder.


 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.