Publicidade
Cotidiano
Notícias

Sargento da PM morre após ser baleado em Coari

Ele passou duas semanas internado no Pronto Socorro 28 de Agosto resisitindo aos ferimentos dos cinco disparos de arma de fogo 14/06/2015 às 18:07
Show 1
O sargento da PM foi alvejado por vários tiros quando chegava em sua casa
acritica.com ---

Depois de ter passado  duas semana internado no pronto socorro 28 de Agosto, o 3º sargento da Polícia Militar do Amazonas, Jucimar Manoel Alves Mesquita, 42, morreu na madrugada deste domingo (14). Ele foi ferido com vários tiros no dia 2 deste mês, quando chegava em casa, no município de Coari, a 370 quilômetros de Manaus.

O autor do crime conhecido como “Nego Drama”, foi assassinado logo depois de atirar no policial, ao envolver-se em uma troca de tiros com a polícia. Na manhã deste domingo, a chegada do corpo do sargento foi marcada por comoção por parte de familiares e colegas de trabalho.

Familiares contaram que Jucimar morava no município de Coari, havia 23 anos e que  cumpria com o seu dever de policiais prendendo criminosos, entre eles o policial prendeu “Nego Drama”.

No dia 31, o sargento estava voltando para casa, na rua 2 do bairro Campo do Oriente, quando foi surpreendido  pelo criminoso, que estava armado com uma pistola e disparou sete vezes contra ele. Cinco tiros acertaram a vítima que  foi socorrido com vida, levado para o hospital do município  e depois trazido para a capital, mas ontem acabou morrendo.

O crime foi registrado na Delegacia Interativa de Polícia (Dip) no município de Coari. Em nota, o Comando da Polícia Militar (CPAM) lamentou a morte do membro da instituição e informou que o corpo de Jucimar será levado para Coari, onde será sepultado por seus familiares.

Publicidade
Publicidade