Sábado, 20 de Julho de 2019
CURSINHO

Secretário anuncia projeto de preparação de alunos para vestibular e Enem

O secretário de Educação, Lourenço Braga, também anunciou investimento para a elaboração de um projeto que permitirá a produção dos livros didáticos no Amazonas para serem usados na rede estadual de ensino



zCID011603_p02.jpg Anúncios foram feitos durante evento de abertura do Ano Letivo 2018. Foto: Winnetou Almeida
16/02/2018 às 05:16

O secretário estadual de Educação e Qualidade do Ensino (Seduc), Lourenço Braga, afirmou que este ano será implantado pela pasta um projeto de preparação de alunos para o vestibular e o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O anúncio foi feito durante o evento de abertura do ano letivo 2018 da rede estadual de ensino.

Segundo Lourenço, no projeto que deve iniciar em maio, alunos da 2ª e 3ª séries do Ensino Médio terão acesso a aulas preparatórias para o Enem e outros processos seletivos. O titular da Seduc também anunciou investimento para a elaboração de um projeto que permitirá a produção dos livros didáticos que serão utilizados pelos professores da rede estadual no próprio Estado. 

“Nós vamos resgatar o que já houve antigamente, que eram os nossos técnicos e os nossos professores universitários produzindo os nossos livros”, afirmou o secretário.

“Não temos nada contra a produção de livros de Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Ceará, Pernambuco. Os livros todos que o Amazonas recebe são de muito boa qualidade, mas nós precisamos regionalizar um pouco o conhecimento que queremos transmitir aos nossos estudantes”, completou. 

Lourenço Braga reiterou o compromisso com os servidores do magistério e confirmou o enquadramento para os profissionais que estão qualificados. “Nós vamos, com todo o empenho pessoal do governador Amazonino Mendes, realizar o enquadramento de todos os professores que estão qualificados desde 2014 e na espera,  dependendo da confirmação. Precisamos olhar pra educação com seriedade. Quem tem direito ao enquadramento, vai ter! Esse é o nosso dever”, enfatizou.

Além destes, o secretário falou ainda sobre os projetos Conectar, que irá garantir o acesso de 60 mil estudantes à ferramenta Google Education em 80 escolas de todos os municípios do Amazonas, em algumas aldeias indígenas e áreas de preservação ambiental; e Reescrever, que será em parceria com o Instituto Paulo Freire e pretende, a partir de junho deste ano, alfabetizar 36 mil pessoas no interior.

LEIA MAIS

Rede estadual de ensino ainda tem 100 mil vagas abertas para o Ano Letivo 2018​

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.