Terça-feira, 12 de Novembro de 2019
Notícias

SSP-AM inicia inscrições para turma do curso de Inclusão Digital

A programação teórica do curso vai acontecer na sala de treinamento e os participantes serão divididos em três turnos: matutino, vespertino e noturno



1.jpg O projeto é voltado para pessoas com mais de 50 anos
28/07/2015 às 16:42

Nesta segunda-feira (27), a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) iniciou as inscrições para a turma do segundo semestre do curso de ‘Inclusão Digital- Qualidade de Vida na Melhor Idade’, projeto coordenado pelo Programa de Prevenção a Violência e Combate ao Uso de Narcóticos e Entorpecentes (Previne) para pessoas com mais de 50 anos.

Para esse semestre estão disponíveis 120 vagas, e os interessados podem procurar a sala do Previne, na sede da SSP-AM, na Avenida Torquato Tapajós, 5.555, Flores. A documentação necessária para realizar a inscrição são:  cópias do RG, comprovante de residência e escolaridade e duas fotos 3x4.



O curso, que promove a integração social de pessoas com mais de 50 anos por meio do aprendizado da tecnologia e o incentivo a atividades físicas, vem sendo desenvolvido há seis anos na SSP-AM. As aulas começam em agosto, e o curso terá duração de quatro meses com carga horária de 80 horas.

No dia 3 de julho, a turma do primeiro semestre encerrou as atividades com 119 alunos formados. A entrega dos certificados de participação foi realizada no auditório da SSP-AM, e contou com a participação dos alunos e professores.

A programação teórica do curso vai acontecer na sala de treinamento e os participantes serão divididos em três turnos: matutino, vespertino e noturno. Pela parte da manhã as aulas serão ministradas das 9h às 11h, de tarde das 15h às 17h, e a noite das 18h30 às 20h30.

A coordenadora do curso de Inclusão Digital, Minéia Veiga, ressalta que o projeto visa estimular a busca pela melhor qualidade de vida, por meio de atividades que estimulem a sociabilidade e comunicação.

“O programa do curso abrange também visitas a pontos turísticos, especialmente porque alguns alunos nunca tiveram a oportunidade de conhecer as belezas da cidade. Além disso, eles participam de palestras com temas voltados a vida da pessoa idosa”, disse Minéia.

Ela explica que o projeto trabalha o curso básico de informática, e posteriormente, é oferecido aos alunos o módulo dois, que é o curso mais avançado. Entre as demais atividades do curso de Inclusão Digital, estão a distribuição de alimentos oferecidos pelo programa Mesa Brasil, do Sesc Amazonas, expedição de carteiras de identidade, cadastro biométrico e campanha de vacinação dos idosos.

Ela destacou que a iniciativa do Previne tem mudado a vida dos participantes, dando a eles mais interação com a sociedade. “O projeto os aproxima da tecnologia, mas também estimula sobre questões muito importantes como uma alimentação saudável para uma melhor qualidade de vida e o conhecimento sobre o direito da pessoa idosa, através de palestras e momentos de diálogo”, disse a coordenadora.

*Com informações da assessoria de imprensa


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.