Segunda-feira, 16 de Setembro de 2019
INDICAÇÃO SEGUE

STF nega pedido para barrar indicação de Eduardo Bolsonaro como embaixador nos EUA

O ministro Ricardo Lewandowski decidiu nesta quinta-feira (15) que indicação do filho do presidente para embaixada segue



hudiasa_F20DE89C-3C48-4DA0-8C07-D8EA61306D11.jpg Foto: Antonio Cruz / Agência Brasil
15/08/2019 às 08:57

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou nessa quinta-feira (15) pedido apresentado pelo Cidadania (ex-PPS)  para barrar indicação do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro, para ocupar o cargo de embaixador do Brasil nos Estados Unidos.

Numa decisão técnica, Lewandowski não chegou a analisar a eventual indicação de Eduardo ao posto. Ele entendeu que partidos políticos não tem direito a entrar no STF com mandado de segurança para esse tipo de caso.

A indicação do filho do presidente —que ainda não foi formalizada pelo governo ao Senado, responsável por aprová-la ou não— também é questionada na Justiça em uma ação civil pública movida pelo Ministério Público Federal de Brasília.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.