Quarta-feira, 24 de Abril de 2019
publicidade
1.jpg
publicidade
publicidade

Notícias

Susam encerra nesta sexta-feira (18), o curso de atualização sobre HIV/Aids

O curso de atualização abordou os Protocolos Clínicos e Diretrizes Terapêuticas em Infecções Sexualmente Transmissíveis, Aids e Hepatites Virais e outros documentos lançados pelo Ministério da Saúde


17/09/2015 às 15:02

Termina nesta sexta-feira (18), o “Curso de Atualização em Infecções Sexualmente Transmissíveis, com ênfase na Aids e  Hepatites Virais”, promovido pela Secretaria Estadual de Saúde (Susam) e que reunião, em Manaus, gestores e profissionais de saúde da capital e de mais 45 municípios do interior.

O curso, que integra as ações para reforçar o enfrentamento da Aids no Estado, está sendo realizado no Hotel Express, no conjunto Vieiralves (rua Rio Branco, s/n, bairro Nossa Senhora das Graças).

Paralelamente ao curso, desde a última quarta-feira (16), está acontecendo uma reunião técnica de coordenadores municipais de DST/Aids e Hepatites Virais, para discutir o cenário epidemiológico da Aids no Estado, avaliar e alinhar as medidas voltadas para o diagnóstico, tratamento e, também, a prevenção da doença.

Organizado pela Coordenação Estadual de DST/Aids e Hepatites Virais, o curso de atualização abordou os Protocolos Clínicos e Diretrizes Terapêuticas (PCDT) em Infecções Sexualmente Transmissíveis, Aids e Hepatites Virais e outros documentos recentemente lançados pelo Ministério da Saúde.

publicidade

“Os PCDTs são os documentos oficiais do Sistema Único de Saúde (SUS), destinados a estabelecer os critérios para o diagnóstico dessas doenças ou agravos, bem como o tratamento preconizado, incluindo os medicamentos e demais tecnologias apropriadas, as posologias recomendadas, os cuidados com a segurança dos doentes, os mecanismos de controle clínico, o acompanhamento e a verificação dos resultados terapêuticos a serem buscados pelos profissionais de saúde e gestores do SUS”, explicou Silvana Lima, coordenadora estadual de DST/Aids.

Reforço

Na abertura do evento, ocorrida na última segunda-feira (14), o secretário estadual de Saúde, Pedro Elias anunciou uma série de medidas que estão sendo executadas pela Susam, com o objetivo de reduzir os índices da Aids no Amazonas, hoje, entre os estados brasileiros com as maiores taxas de detecção de HIV.

Entre as medidas está a criação de um selo de qualidade a ser concedido às maternidades que conseguirem zerar os registros de crianças expostas à transmissão vertical (de mãe para filho) do HIV; a ampliação do número de municípios do interior que passarão a receber, a partir deste mês, o kit maternidade (com medicamentos de profilaxia do HIV), a ser adotado nos casos de mãe HIV positiva; uma parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), para que a Unidade Móvel da Fundação de Medicina Tropical Dr. Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD) – que oferece testes rápidos de HIV e Sífilis – passe a desenvolver atividades voltadas para o público jovem; além do projeto de descentralização do atendimento ambulatorial dos pacientes vivendo com a HIV, que já está em fase final de discussão com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

*Com informações da assessoria de imprensa

publicidade
publicidade
Federação de Jiu-Jitsu realiza 8ª edição do Warrios No Gi neste sábado (27)
Alunos de escola municipal no bairro São Francisco ainda não iniciaram ano letivo
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.