Sexta-feira, 19 de Abril de 2019
publicidade
1.gif
publicidade
publicidade

Notícias

Sustentabilidade: Programa de Eficiência Energética ensina a reduzir conta de luz

Medidas simples testadas e aplicadas pelo Programa renderam ao Governo do AM uma economia de R$ 20 milhões na fatura de energia elétrica


23/04/2013 às 08:04

Abra as cortinas. Aproveite a luz natural do dia. Mantenha a temperatura do ar-condicionado em 23 graus. Desligue a tela do computador quando se ausentar. Substitua lâmpadas incandescentes por fluorescentes ou LED’s. Não atrase o pagamento da fatura de energia. E tenha uma economia na conta de luz de pelo menos 30% ao final do mês.

Medidas simples como essas, testadas e aplicadas pelo Programa Estadual de Eficiência Energética, renderam ao Governo do Amazonas uma economia de R$ 20 milhões na fatura de energia elétrica no ano de 2012, redução de 8% no consumo de energia elétrica e 20% no faturamento.

A conta de luz do Estado saiu de R$ 100 milhões em 2011 para R$ 80 milhões ano passado, em virtude de uma série de procedimentos adotados pela administração pública, a partir de um decreto estadual que criou o Programa Estadual de Eficiência Energética em 2011. Mudanças de layouts em departamentos públicos, substituição de lâmpadas ineficientes por eficientes, compra de condicionadores de ar de alta eficiência, entre outras medidas, estão entre as razões para a economia.

As mesmas medidas, resguardadas as características que diferem uma residência de um prédio público, podem ser adotadas, em casa.  A meta que o programa persegue é reduzir o consumo de energia em suas unidades consumidoras (prédios públicos como escolas, hospitais e setores administrativos) em 20%. Pela primeira vez, desde que o programa foi criado, a meta foi alcançada.  

No mês de fevereiro de 2013, juntos, os órgãos estaduais reduziram o consumo de energia 24%, o que proporcionou uma diminuição de 32% a menos na conta de luz, em comparação ao mesmo período do ano anterior. Em fevereiro de 2012, as faturas de energia elétrica do governo do Amazonas somaram R$ 8 milhões. Este ano, no mesmo período, caíram para R$ 5 milhões.

O coordenador do Centro Estadual de Mudanças Climáticas, Anderson Silva Bittencourt, que antes de iniciar as mudanças práticas, o Poder Executivo realizou, em 2009, um “diagnóstico energético” para conhecer o comportamento das suas unidades consumidoras, prédios públicos como hospital, escola, e departamentos administrativos.

Segundo ele, adotadas em casa, as medidas geram economia no bolso. “O caminho que eu segui na minha casa é exatamente o que o governo seguiu”, afirma Bittencourt.

Chuveiro elétrico: vilão da fatura

Segundo o coordenador do Centro Estadual de Mudanças Climáticas, Anderson Silva Bittencourt, medidas semelhantes as adotadas pelo governo podem reduzir a fatura de energia de uma residência em 30%. Em casas, o vilão da energia, ao contrário do que muitos pensam, não é o ar-condicionado, mas sim o chuveiro elétrico.

“Só em você mudar do ‘quente’ para o ‘morno’ pode ter uma economia de até 7%. O chuveiro elétrico tem uma potência muito alta. Quanto mais tempo você fica embaixo dele com o ‘quente’ ligado, mais consumo gera”, diz Anderson Bittencourt. “Do morno para o frio a economia é de 10%”, frisa.

O uso correto do ar condicionado também proporciona economia. “Para cada grau que você reduz no ar-condicionado (de 17 para 16, por exemplo) isso significa 7% a mais no faturamento, se você fizer isso todo dia, durante um mês”, explica Bittencourt. Ele afirma que a temperatura suficiente para gerar conforto e redução de consumo é de 23 graus.

Outro alerta dado pelo especialista diz respeito ao uso da geladeira. “Quando você abrir a geladeira, não esteja indeciso em relação ao que quer pegar e não deixe a porta muito tempo aberta”.

publicidade
publicidade
Bolsonaro e Paulo Guedes se contradizem ao falar sobre Zona Franca de Manaus
Jerônimo Antunes renuncia do cargo no Conselho da Petrobras
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.