Catástrofe

Tornado nos EUA deixa ao menos 50 mortos em Kentucky

Armazém da empresa Amazon desabou e cem funcionários ficaram presos no local

AFP
11/12/2021 às 13:19.
Atualizado em 08/03/2022 às 19:49

Vários tornados causaram estragos na sexta-feira à noite e madrugada deste sábado (11) nos Estados Unidos, deixando ao menos 50 mortos em uma cidade devastada de Kentucky e cerca de 100 pessoas presas em um depósito da Amazon em Illinois.

Fotos e vídeos compartilhados nas redes sociais da cidade de Mayfield, em Kentucky, mostram prédios destruídos pela tempestade, com estrututas de metal dobradas, árvores e pedaços de parede espalhados pelas ruas. Vários condados de Kentucky ficaram devastados por ao menos quatro tornados que tocaram solo.

"Acredito que há mais de 50 mortos em Kentucky (...) provavelmente entre 70 e 100 (mortos), é devastador", disse o governador de Kentucky, Andy Beshear, em entrevista coletiva.

O governador acrescentou que este foi "o tornado mais grave na história de Kentucky". O colapso do teto de uma fábrica de velas deixou um grande número de vítimas na cidade de Mayfield, afirmou o governador. 

"Mayfield, no condado de Graves, será o marco zero", disse o diretor de gestão de emergências de Kentucky, Michael Dossett, à rede CNN. "A cidade levou o pior golpe. Há uma devastação em massa", acrescentou.

O governador declarou estado de emergência antes de meia-noite de sexta-feira e disse que equipes de resgate foram mobilizadas para salvar vidas nesta região, afetada também por cortes de energia elétrica.

 Depósito da Amazon

As tempestades deixaram vítimas e danos em vários estados do sudeste e centro-sul dos Estados Unidos na sexta-feira. Mais cedo, outra tempestade devastou um centro de distribuição da Amazon no estado de Illinois, segundo as autoridades locais. A imprensa informou que cem trabalhadores estavam presos no local.

Neste sábado pela manhã, equipes de emergência trabalhavam no resgate dos funcionários deste depósito, do qual um terço foi reduzido a escombros. Os funcionários trabalhavam no turno noturno processando milhares de pedidos antes das festas de fim de ano.

A agência de gestão de emergências de Collinsville descreveu o ocorrido como um "incidente com muitas vítimas" e com "várias pessoas presas no depósito da Amazon". Um alerta de tornado estava ativo para o local no momento do incidente.

Imagens que estavam sendo compartilhadas nas redes sociais e nos canais de televisão americanos mostravam como uma grande parte do teto do depósito da Amazon em Edwardsville foi arrancada pelo fenômeno, enquanto uma de suas paredes desabou. 

Escombros eram vistos por todo o local, mas não ficou claro até o momento se houve feridos ou mortos nessa instalação.

O governador de Illinois, JB Pritzer, disse na sexta-feira: "Minhas orações estão com as pessoas de Edwardsville esta noite".

A polícia e a agência de emergências do estado "estão coordenando de perto com as autoridades locais e eu continuarei monitorando a situação", acrescentou.

Em um comunicado enviado à mídia local, o porta-voz da Amazon, Richard Rocha, disse que "a segurança e o bem-estar dos nossos empregados e sócios é nossa principal prioridade agora. Estamos atendendo a situação e compartilharemos informações adicionais assim que tivermos".

Enquanto isso, outra pessoa morreu em Arkansas e quase 20 estavam presas depois que um tornado atingiu um lar de idosos, segundo a imprensa local.

Um oficial do condado de Craighead, Marvin Day, disse aos canais de televisão locais que os socorristas conseguiram retirar as pessoas presas dali, mas que a estrutura estava "bastante destruída".

No Tennessee, ao menos duas pessoas morreram em acidentes relacionados com as tempestades, segundo um responsável da gestão de emergências citado pela mídia local.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
© Copyright 2022Portal A Crítica.Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por
Distribuído por