Publicidade
Cotidiano
Notícias

Tribunal de Justiça do AM realiza concurso para juiz

Serão 31 vagas para juiz substituto com salário inicial de R$ 19,5 mil. A maior parte dos concorrentes, cerca de 800 são do Amazonas 17/07/2013 às 09:19
Show 1
Com a admissão de 31 novos juízes substitutos, o Tribunal de Justiça reforçará presença nas comarcas do interior
acritica.com ---

Após ter sido adiado por mais de um mês, o concurso para juiz substituto do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) acontece nesta quarta-feira (17) à tarde em Manaus. 1.200 candidatos disputam 31 vagas, que tem salário inicial de R$ 19.535,27. A maior parte dos concorrentes - cerca de 800 - é do Amazonas, mas ainda há candidatos de estados como Bahia, Rio de Janeiro, São Paulo, Santa Catarina, Ceará e Pará.

As provas objetivas terão início às 13 horas. Como o número de candidatos é pequeno, apenas duas escolas concentrarão as provas: O Centro Educacional de Tempo Integral (Ceti) Gilberto Mestrinho, localizado na avenida Leopoldo Peres,, Educandos, e o Instituto de Educação do Amazonas (IEA), na rua Ramos Ferreira, 875, Centro.

O Tribunal de Justiça do Amazonas não realiza um concurso para magistrado há quase nove anos. O certame deve reduzir o déficit de juízes nas Comarcas do interior do Estado. Atualmente, 30 Varas do interior não possuem juiz titular e trabalham com um magistrado respondendo pela unidade judiciária.

Conforme o edital, serão considerados documentos de identidade as carteiras expedidas pelos Comandos Militares, pelas Secretarias de Segurança Pública, pelos Institutos de Identificação e pelo Corpo de Bombeiros; as carteiras expedidas pelos órgãos fiscalizadores de exercício profissional (ordens, conselhos etc.); passaporte; Certificado de Reservista; carteiras funcionais do Ministério Público; Carteira de Trabalho; Carteira Nacional de Habilitação (CNH), somente o modelo aprovado pelo art. 159 da Lei nº 9.503, de 23.09.97 (com foto).

A publicação do gabarito provisório da prova objetiva do concurso para juiz está prevista para o dia 19 de julho, conforme cronograma operacional. O resultado final da prova objetiva será conhecido no dia 14 de agosto.

Tropa feminina

A Marinha do Brasil anunciou ontem que vai formar, no ano que vem, sua primeira turma de Aspirantes feminina na Escola Naval. Serão disponibilizadas 12 vagas específicas para candidatas com 18 anos completos e menos de 23 anos (no dia 1º de Janeiro de 2014), e que concluíram o ensino médio.

Durante o Curso de Intendência na Escola Naval, as Aspirantes devem estudar disciplinas das áreas de administração, contabilidade geral e de custo, orçamento, finanças, abastecimento, logística, auditoria, entre outras.  A Diretoria de Ensino da Marinha (DEnsM) está elaborando o Edital do Concurso Público de Admissão à Escola Naval, que em breve será divulgado, com os detalhes.

Publicidade
Publicidade