Sexta-feira, 19 de Julho de 2019
Notícias

TVs de plasma perdem espaço na indústria do Amazonas

LG Electronics anuncia fim da produção de TVs com telas de plasma e acelera aposentadoria da aparelhos com a tecnologia



1.jpg No Amazonas, representante do setor afirma que TVs de plasma já deveriam ter sumido do mercado, mas não acredita que isso acontecerá de uma hora para outra
29/10/2014 às 10:15

A empresa sul-coreana LG Electronics anunciou, no início da semana, que não fabricará mais televisores de plasma em virtude do crescimento nas vendas de aparelhos LCD e, também, por ser um tecnologia ultrapassada. No Amazonas, representante do setor afirma que TVs de plasma já deveriam ter sumido do mercado, mas não acredita que isso acontecerá de uma hora para outra.

De acordo com dados dos “indicadores de desempenho do Polo Industrial de Manaus”, disponível no site da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), até agosto deste ano, foram fabricados apenas 1,4 milhão de televisores com tela de plasma na Zona Franca. Bem menos que os 8,9 milhões de aparelhos com telas de LCD, no mesmo período.

Neste ano, a produção de TVs com tela LCD já acumula alta de 16,95% até agosto, gerando faturamento de US$ 3,6 milhões. Um dos produtos de maior peso no faturamento da indústria amazonense.

Para o presidente do Sindicato da Indústria de Aparelhos Elétricos, Eletrônicos e Similares de Manaus (Sinaees), Celso Piancentini, os televisores de plasma já deveriam ter sido extintos há muito tempo. “O plasma já deviria ter morrido. É uma tecnologia ultrapassada”, disse.

De acordo com Piancentini, mesmo sendo uma tendência o fim da fabricação do plasma, por conta de tecnologias avançadas, não tem como prevê quando os aparelhos televisores de plasma deixarão de ser produzidos. “Não tem como saber. Não sumirá de uma hora para a outra. É uma substituição gradual, enquanto se reduz a produção de plasma, se aumenta a fabricação e venda de LCD. Isso é normal e acontece com todos os aparelhos eletrônicos. Sempre serão substituídos com o tempo”, afirmou.

O presidente destacou que os televisores mais modernos que estão sendo produzidos no PIM são em 4K, que tem o dobro de definição de imagem que as outras. “Além do 4k, já existe uma empresa que está fabricando TVs em 8k, quatro vezes mais definição. Ainda é muito caro, mas vai popularizar”, informou.

Vendas

De acordo com o gerente da loja Hitech, Leonardo Castro, a procura pelas TVs de plasma é mínima quando comparada com as vendas das LCD, mesmo com a diferença de preço sendo muito grande. “Em dois meses nós vendemos 10 TVs de plasma, isso porque um candidato à deputado estadual comprou seis para usar no comitê dele. Nesse mesmo período nós vendemos mais de 50 LCD. Temos uma TV de plasma de 60 polegadas que custa pouco mais que R$ 3 mil, as pessoas até gostam, mas quando sabem que é plasma desistem”, afirmou.

“Existe muito preconceito com as TVs plasma. Mas as empresas investiram na melhoria dessas TVs. Agora o que temos no mercado são as ‘new plasma’. Eles corrigiram os problemas, como alto consumo de energia, está muito boa agora, mas quando os clientes ouvem que é plasma não tem quem faça eles comprarem”, relatou.

Em números

1,4 milhão - TVs de plasma produzidas até agosto deste anoO número representa alta de 226% sobre igual período de 2013, mas o volume não chega nem perto dos 8,9 milhões de TVs LCD.

16,95% - Crescimento da produção de TVs de LCD na Zona FrancaRepresenta um salto de 7,6 milhões de unidades fabricadas de janeiro a agosto de 2013, para 8,9 milhões produzidas no mesmo período deste ano.

US$ 3,6 bi - Faturamento obtido com a venda de TVs LCD neste anoA maior parte refere-se a vendas realizadas no mercado interno. Apenas o equivalente a US$ 506 mil é oriundo de exportações.

Fique por dentro

LCD Moléculas de cristal líquido são distribuídas entre duas lâminas transparentes. Elementos elétricos geram campos magnéticos que induzem o cristal líquido a “guiar” a luz oriunda da fonte luminosa e formar a imagem. Plasma O esquema é parecido, mas o material que fica entra as camadas é um gás que fica armazenado em milhões de células. LED A TV de LED tem, na verdade, uma tela LCD iluminada por trás com lâmpadas de LED, mais brilhantes e que consomem menos energia.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.