Sexta-feira, 22 de Outubro de 2021
Saúde Mental

Um em cada dez estudantes já sofreu ofensa na internet

Faculdade Martha Falcão realista palestras sobre o assunto nos dias 15 e 22 deste mês



WhatsApp_Image_2021-09-10_at_17.18.07_05D455F8-BB95-4262-B224-C6944D6F684C.jpeg Foto: Divulgação
10/09/2021 às 17:40

Os dados da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE) 2019 divulgados nesta sexta-feira (10) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam que um em cada dez adolescentes (13,2%) já se sentiu ameaçado, ofendido e humilhado em redes sociais ou aplicativos. Se o quantitativo for considerado apenas de meninas, o percentual é ainda maior, alcançando a casa dos 16,2%, enquanto a marca dos meninos é de 10,2%.

Segundo o IBGE, participaram da pesquisa aproximadamente 188 mil estudantes entrevistados, com idade entre 13 e 17 anos, em 4.361 escolas de 1.288 municípios de todo o país. O grupo representa 11,8 milhões de estudantes brasileiros. A coleta dos dados foi feita antes da pandemia, entre abril e setembro de 2019. A partir de 2020, com a suspensão das aulas presenciais, o uso das redes sociais, até mesmo como ferramenta de estudos, foi intensificado.

De olho no tema, a Faculdade Martha Falcão (FMF) realiza nos dias 15 e 22 deste mês palestras gratuitas virtuais sobre o Setembro Amarelo, campanha de prevenção ao suicídio, e sobre o Cyberbullying: Responsabilidades e Consequências. A palestrante será ministrada pela psicóloga Raquel Rodrigues.

Segundo Luciano Amorim, que é supervisor de Relacionamento da FMF, qualquer aluno das redes pública e privada de ensino do Amazonas poderá participar dos dois eventos on-line. Ele informou que os debates integram a programação de ação e conscientização do High School da Faculdade Martha Falcão em combate ao suicídio e agressões nas redes sociais e/ou mídias sociais.

"Eu convido a todos os jovens amazonenses a participarem destes eventos que são de suma importância para a vida deles e de toda a nossa sociedade. As palestras são abertas ao público e totalmente gratuitas. São debates importantes que compõem as ações do Setembro Amarelo", comentou Luciano Amorim.

Para participar da palestra do dia 15, clique neste link https://bit.ly/3z0Y6Uu .

Para participar da palestra do dia 22, clique neste link https://bit.ly/3k0SvJp  .

AGRESSÕES

Ainda de acordo com o IBGE, as agressões existem também fora da internet, nas escolas, onde 23% dos estudantes afirmaram ter sido vítimas de bullying, ou seja, sentiram-se humilhados por provocações feitas por colegas nos 30 dias anteriores à pesquisa. Quando perguntados sobre o motivo de sofrerem bulling, os três maiores percentuais foram para aparência do corpo (16,5%), aparência do rosto (11,6%) e cor ou raça (4,6%).

Em relação à saúde mental dos estudantes, metade (50,6%) disse se sentir muito preocupado com rotinas comuns do dia a dia. Um em cada cinco estudantes (21,4%) afirmou que a vida não valia a pena ser vivida. Entre as meninas, esse percentual é de 29,6% e, entre os meninos, 13%.

Os resultados mostram ainda insatisfação com o próprio corpo. Menos da metade (49,8%) achava o corpo normal, 28,9% se achavam magros ou muito magros e 20,6%, gordos ou muito gordos.



News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.