Publicidade
Cotidiano
Notícias

Verão amazônico estimula aumento de empregos na construção civil

Com baixas desde o início do ano, as contratações no setor da construção aumentaram 1,4% em junho, segundo efeito sazonal 21/07/2015 às 13:14
Show 1
Otimista, Sintracomec informou que pelo menos 1.500 vagas de empregos serão ofertadas nos próximos meses
silane souza ---

O verão amazônico chegou influenciando diretamente na geração de emprego no setor da construção civil no Amazonas. O segmento, que desde o início do ano vinha registrando queda no número de contratações, apresentou resultado positivo no mês de junho. Foram 1.596 admissões contra 1.146 demissões, saldo de 450 vagas, de acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado no último dia 17.

Para os trabalhadores o resultado é um sinal de que o setor começou a chegar a uma situação de equilíbrio quanto à geração de empregos. Já os empresários acreditam que é apenas um efeito historicamente conhecido na região. “Isso ocorre há muito tempo, visto que, a partir do momento que o período chuvoso acaba, muitas obras começam a serem construídas. E o verão começou praticamente em junho”, destacou o presidente do Sindicato das Indústrias de Construção Civil do Amazonas (Sinduscon), Eduardo Lopes.

Já o presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Construção Civil no Amazonas (Sintracomec-AM), Cícero Custódio, relatou que entre junho e julho de 2014 a entidade havia feito em torno de três mil desligamento de profissionais, enquanto no mesmo período deste ano houve somente 150 demissões homologadas. “O setor está voltando a crescer com os lançamentos de algumas construtoras, além disso, as obras que já estavam em andamento têm que ser entreguem no prazo”, salientou.

Custódio informou ainda que pelo menos 1.500 vagas de empregos serão ofertadas pela construção civil no Estado até o próximo mês. Os principais postos oferecidos são para pedreiro, servente, fachadeiro, ajudante de obras, entre outros. Conforme o sindicalista, os interessados a uma das vagas de emprego deverão procurar o Sintracomec-AM, localizado na rua São Raimundo, 203, bairro Santo Antônio, na Zona Oeste de Manaus, para entregar o currículo.

Paralisação

Trabalhadores da construção civil do Estado prometem fazer uma manifestação em frente à Superintendência Estadual de Habitação (Suhab), a partir de 6h, da próxima quinta-feira, 23. Segundo o presidente do Sintracomec-Am, Cícero Custódio, o ato deve reunir em torno de 500 pessoas e é contra a demora do governo estadual em disponibilizar moradia, através do Programa Minha Casa Minha Vida, aos profissionais desse setor.

Empresas com menor demanda

A construtora Colmeia contratou em torno de 50 pessoas do início do ano até agora. O número representa a metade do que foi admitido no mesmo período do ano passado, de acordo com a coordenadora de obra da incorporadora, Tatiana Mavignier. Porém a previsão é que haja novas contratações nos próximos meses.

“Temos alguns lançamentos, então o quadro deve sofrer um acréscimo e devemos fechar com a mesma quantidade de profissionais que foi contratado em 2014”, afirmou. A Colmeia já entregou um empreendimento no primeiro semestre de 2015 e entregará outro no próximo mês. A incorporadora também pretende fechar o ano com dois lançamentos.

Publicidade
Publicidade