Publicidade
Cotidiano
Notícias

Vice-presidente do Facebook na América do Sul é preso em SP

Segundo a PF, a rede social descumpriu ordens judiciais que exigiam a liberação de informações presentes na página. Diego Dzodan é argentino e mora no Brasil. Ele prestou depoimento na Superintendência de Polícia Federal em São Paulo, onde permanecerá preso 01/03/2016 às 11:24
Show 1
Marcel foi preso enquanto ia para o trabalho, na zona sul da capital paulista, nesta terça (1º)
Agência Brasil e reuters brasil ---

A Polícia Federal prendeu preventivamente na manhã de hoje (1º) Diego Dzodan, vice-presidente do Facebook na América do Sul. Diego foi preso enquanto ia para o trabalho, no bairro Itaim Bibi, zona sul da capital paulista.

Segundo a PF, a rede social descumpriu ordens judiciais que exigiam a liberação de informações presentes na página.

Os dados seriam usados na produção de provas de investigações ligadas ao crime organizado e ao tráfico de drogas, que tramitam em segredo de justiça no Juízo Criminal da Comarca de Lagarto, em Sergipe.

Diego é argentino e mora no Brasil. Ele prestou depoimento na Superintendência de Polícia Federal em São Paulo, onde permanecerá preso à disposição da Justiça.

Em nota, a PF disse que o mandato de prisão preventiva, quando não há prazo para liberação, foi expedido pelo juiz criminal Marcel Maia Montalvão, da Comarca de Lagarto, em Sergipe, "em razão de reiterado descumprimento de ordens judiciais, de requerimento de informações contidas na página do site Facebook".

Procurado, o Facebook no Brasil não comentou o assunto.


Publicidade
Publicidade