Publicidade
Cotidiano
CICLO DAS ÁGUAS

Volume do rio Negro começa subir, mas especialista descarta fim de vazante

Mesmo com o volume das águas, ainda não é possível afirmar o término da vazante, apesar dos sinais de que isso já esteja ocorrendo, segundo o chefe de serviço de hidrologia 14/10/2017 às 09:07
Show rio negro
Desde o dia sete deste mês, o volume das águas do rio Negro começaram a subir (Foto: Jair Araújo)
Isabelle Valois Manaus (AM)

O rio Negro continuava a apresentar variações no volume das águas nessa sexta-feira (13). Desde sábado passado, o rio não tem baixado o volume, tendo subido 11 centímetros durante este período. Ontem, após subir mais dois centímetros, o rio atingiu a cota de 17,45 metros. Para o chefe do Serviço de Hidrologia do Porto de Manaus, Valderino Pereira, ainda não é possível afirmar o término da vazante, apesar dos sinais de que isso já esteja ocorrendo.

“Temos que acompanhar os próximos dias para ver quais variações o rio Negro irá apresentar. Por enquanto essa subida e a estabilidade que ele apresentou durante esta semana é totalmente normal, mas precisamos de mais alguns dias para saber se foi o término da vazante e início da cheia”, reforçou.

Desde o dia sete deste mês, o volume das águas do rio Negro começaram a subir. O rio vinha em processo de vazante desde o dia 6 de junho, quando  descia uma média de 12 e 13 centímetros por dia, e na última semana começou a subir lentamente. No sábado, domingo e na segunda-feira, o rio  subiu respectivamente 2, 3 e 3 centímetros. Na terça e quarta-feira ele ficou estável, mas na quinta-feira o rio subiu um centímetro, atingindo a cota de 17,43 metros e ontem o rio sumiu mais 2 centímetros atingindo a cota de 17,45 metros.

“Por enquanto, podemos considerar o fenômeno como natural, mesmo sabendo que as variações são grandes neste período, pois a maioria das vazantes ocorre sempre em meados de outubro e estamos dentro deste período”, comentou Valderino.

Comparativos

Quem passa próximo aos igarapés de Manaus, tem uma visão mais ampla de como está a vazante durante este ano. Até ontem, o rio estava  25 centímetros acima da cota máxima da vazante registrada no ano passado, quando o volume das águas  atingiu a cota de 17,20 metros no dia 13 de dezembro. Quando comparamos com a cota máxima da vazante registrada neste ano, quando o rio atingiu a cota de 17,34 metros no dia 6 deste mês, temos uma diferença de 14 centímetros.

No ano de 2010, quando foi registrado a máxima da vazante do rio Negro - quando chegou a 13,63 metros no dia 24 de outubro. No dia 13 de outubro, o rio negro atingiu a cota de 15,45 centímetros após baixar 11 centímetros em um dia. No ano da cheia história - quando o rio Negro atingiu a cota de 29,97 metros no dia 29 de maio, no dia 13 de outubro o rio descia 8 centímetros atingindo a cota de 17,27. A vazante máxima deste ano foi registrada no dia 27 de novembro quando o rio atingia a cota de 15,96 metros. 

Publicidade
Publicidade