Terça-feira, 16 de Julho de 2019
ORÇAMENTO EM PAUTA

Votação da Lei Orçamentária é adiada após protesto de deputados contra David Almeida

Protesto ocorreu após o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), David Almeida, votar e em seguida desempatar destaques de emendas à LOA



david.jpeg Foto: Dhyeizo Lemos/Divulgação ALE-AM
20/12/2017 às 18:11

Os deputados da base aliada do governo se retiraram do plenário, na tarde desta quarta-feira (20), durante a votação dos destaques de emendas à Lei Orçamentária Anual (LOA). Isto, em protesto, a votação do presidente da casa David Almeida (PSD), que votou para desempatar.  O parlamentar já tinha dado o seu voto.

A LOA volta ao plenário para votação amanhã, quando também será votada a concessão da isenção do IPVA para as empresas de transporte coletivo. Ambos os projetos são de autoria do Executivo.

“Temos aqui uma situação atípica. Um presidente vota pra empatar e vota de novo para desempatar. Isso não está certo. Se tivesse um resultado 8 a 8, 10 a 10, ele poderia se manifestar”, afirmou o líder do governo na casa, Dermilson Chagas.

Chagas disse que a atitude da base governista pode se repetir amanhã, para obstruir a votação. “O orçamento pode se repetir. Vamos analisar e ponderar”, disse.

O presidente da casa, David Almeida, disse que precisou dar o voto de minerva. “Sem previsão no regimento, qual o bom senso? Em todo o colegiado, quando há um empate quem desempata? Acontece que estamos numa casa com 24 deputados. Um número par", afirmou.

Almeida acrescentou que caso a cena se repita amanhã e depois, o orçamento não será votado e os deputados não poderão entrar em recesso.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.