Domingo, 15 de Setembro de 2019
TECNOLOGIA

Bemol investe em etiquetas eletrônicas e melhora a experiência de consumo

A rede farmacêutica do Grupo Bemol implantou etiquetas eletrônicas da Seal Sistemas em 12 unidades de sua rede, agilizando a remarcação de preços e melhorando a relação com os clientes



IMG-20190730-WA0001_53825C29-BD65-4CB0-8CC1-F7E3D8835E3E.jpg (Foto: Divulgação)
09/09/2019 às 14:50

Tanto a etiqueta da prateleira, quanto a etiqueta do produto, anúncios de TV e folder são considerados publicidade para os efeitos da Lei 8.078/90. Assim, de acordo com o Código do Consumidor, aquele preço expresso na etiqueta da prateleira deve ser mantido no momento da compra, de modo que o fornecedor não poderá se eximir de cumpri-lo, ainda que seja baixo e passível de equívoco por parte de quem etiquetou. Diante disso, conclui-se que o estabelecimento tem a obrigação legal de vender o produto por aquele preço constante na prateleira no ato da compra.

Sendo assim, reduzir a divergência de preços nas gôndolas não é um desafio apenas para os supermercados. O segmento farmacêutico também enfrenta esse desafio e a dificuldade na remarcação manual de preços causa prejuízos financeiros e desgaste na relação de confiança dos consumidores com o estabelecimento. Esse era o cenário na Bemol Farma, pertencente ao Grupo Bemol, que encontrou na tecnologia uma alternativa para transformar o processo de precificação dos itens que ficam fora da bancada de remédios e que são selecionados pelos próprios consumidores.

Com mais de 76 anos no mercado e faturamento de R$1.95 bilhão em 2018, o Grupo Bemol é uma das maiores redes de eletroeletrônicos da Região Norte do país, presentes na Amazônia Ocidental com mais de 21 lojas físicas e 3 centros de distribuição localizados em Manaus, Porto Velho e Rio Branco. Possuem mais de 2.800 colaboradores e passaram a investir no ramo farmacêutico a partir de 2016. Com o slogan “Escolha com Confiança”, a empresa conta com a ajuda da Seal Sistemas para modernizar seu método de precificação e melhorar ainda mais a experiência dos clientes.

Com o objetivo de ser ainda mais transparentes para o consumidor, a rede escolheu as lojas de farmácias para implantar a solução de etiquetas eletrônicas coloridas da Seal Sistemas, principal integradora do país, em substituição às etiquetas de papel. A tecnologia foi adotada em todas as 12 lojas farma do grupo e, em média, 3 mil dispositivos eletrônicos automatizam o sistema de precificação, levando a Bemol a ser a primeira rede de farmácias do Brasil a utilizar etiquetas eletrônicas coloridas.

Para o Gerente de Infraestrutura de TI da Bemol, Jesaias Arruda, a empresa sentiu a necessidade de implementar um projeto inovador para melhorar o processo de Princing de suas lojas. “Nós fazíamos mais 30 atualizações de troca de preços por dia, ou seja, em média, 1.000 atualizações por mês. Com aquisição das etiquetas eletrônicas, eliminamos por completo esse trabalho. E ainda tivemos um ganho de 30% do tempo de montagem de uma loja nova”, explica o executivo.

Além do ganho em eficiência operacional e aumento de produtividade, uma vez que os funcionários que faziam a troca manual foram realocados para outras funções mais estratégicas, a Bemol Farma conseguiu melhorar a relação com seu cliente. “O consumidor está cada vez mais exigente e as etiquetas da Seal permitiram maior visibilidade das informações, além de passar uma imagem de tecnologia de ponta da loja”, diz Arruda.

“A solução de Etiquetas Eletrônicas está cada vez mais madura e presente no mercado Brasileiro”, afirma Wagner Bernardes, CEO da Seal Sistemas. “Além dos ganhos orgânicos para o varejista, como o fim dos problemas de divergência de preço e capacidade de efetivação de campanhas de vendas entre muitos outros, o consumidor também sai ganhando com todo o processo, pois passa a ter certeza do preço correto e muito mais informações para tomar a sua decisão de compra”.

Atrelado a satisfação do cliente, modernização das lojas e agilidade no processo de compra, a Bemol também conta com 22 lojas de autosserviços. Cada ponto de autosserviço apresenta, aproximadamente, 5 mil etiquetas eletrônicas. “O autosserviço é uma solução cada vez mais comum no varejo, independentemente do segmento. E agregar a tecnologia das etiquetas eletrônicas torna essa experiência do cliente ainda mais fácil, simples e positiva”, comenta Bernardes.

Outra tecnologia está sendo implementada nas lojas de autosserviço da Bemol, como explica Wagner. “Nesses estabelecimentos, nós implementamos algumas ilhas de celulares, com aproximadamente 180 aparelhos, que estão contemplados as etiquetas eletrônicas. Esses dispositivos mostrarão a avaliação do produto nos sites, número de curtidas em redes sociais, dentre outras informações que facilitem a escolha dos consumidores”.

A parceria entre ambas as empresas ainda rendeu à Bemol o prêmio ‘Destaque Inovação’ oferecido pela própria Seal Sistemas, pela inovação do Cliente em seu segmento de atuação, no final de 2018. “Ficamos muito felizes com esse reconhecimento porque a Seal é referência em tecnologia em soluções para o varejo. É muito gratificante que o nosso trabalho tenha sido escolhido como destaque dentre os inúmeros clientes que eles têm”, comemora Arruda.

Para 2019, a Bemol expandirá ainda mais a sua rede e continuará contando com as tecnologias da Seal Sistemas. “Temos a expectativa de inaugurar mais 8 farmas e 3 lojas de varejo autosserviço ainda nesse ano e todas elas já abrirão com as etiquetas eletrônicas de preço”, finaliza Arruda.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.