Quarta-feira, 16 de Outubro de 2019
ZONA FRANCA

Elsys Eletrônicos diversifica produtos e investe em alta tecnologia com indústria 4.0

Com modelo de manufatura 4.0, a fabricante de eletroeletrônicos instalada no Polo Industrial Manaus lança novos produtos e serviços ao mercado brasileiro e diversifica suas operações



F_brica_CE59332F-5DA8-460F-A42A-F0FCCF5DE927.JPG Foto: Márcio Silva
18/09/2019 às 07:32

A Elsys Eletrônicos está investindo forte na diversificação de sua produção fabril, na Zona Franca de Manaus, que foi totalmente reformado e modernizado dentro do conceito de manufatura 4.0.

A empresa brasileira de eletroeletrônicos, presente em Manaus desde 1992, investiu R$ 3 milhões na reforma de suas instalações, na avenida Torquato Tapajós, que foi reinaugurada em 2018.



A diretoria da empresa abriu as portas, nesta terça-feira (17), para uma visita a jornalistas convidados, a fim de mostrar as instalações, a nova fase de negócios e a gama de produtos que são fabricados em Manaus.

A Elsys vem surfando nas ondas do mercado e apostando em produtos de acordo com as demandas de consumo. Atualmente, a empresa apresenta soluções em telefonia, internet, TV via satélite, TV por assinatura, segurança, energia solar, áudio e acessórios.

Dois produtos compõe o carro-chefe da empresa:  o Amplimax, um aparelho amplificador de sinal que permite acesso à internet e realização de chamadas telefônicas em locais de difícil acesso, como zonas rurais; e o Smarty, um dispositivo de streaming via internet Wi-Fi com a tecnologia Android TV (concorrente do Chromecast e Apple TV).

Os produtos e serviços Elsys são comercializados por uma rede com mais de 30 mil pontos de venda espalhados pelo Brasil, desde pequenos comércios a grandes redes varejistas.

Crescimento e novos mercados

Com foco no mercado consumidor brasileiro, a Elsys está com ambições maiores. Por isso, já está começando a exportar para países como Argentina, Colômbia e México.

Também está no horizonte de negócios da Elsys a terceirização de produção para outras marcas que não desejem instalar fábrica em Manaus, como explica o diretor comercial Claudio Blatt. “Temos capacidade produtiva flexível para atender terceirização de produtos eletroeletrônicos incentivados pelo modelo Zona Franca de Manaus”.

A planta de 10 mil m² que emprega 300 colaboradores já funciona no conceito de indústria 4.0, com maquinários modernos, automação, informatização e integração de sistemas. Além da fábrica de Manaus, exista a matriz que fica  em Valinhos (SP) e uma unidade em Shenzhen na China.

Serviços 

Além de produtos, incrementou seus negócios com um gama de serviços como: instalação de produtos da marca Elsys; assistência residencial, de auto e moto; micros seguros; e até venda e instalação de sistema de energia solar fotovoltaica.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.