Sexta-feira, 30 de Outubro de 2020
Casa e Decoração

'Sierra Móveis' cresce como referência em Casa e Decoração

Período de isolamento social aumenta procura por produtos e serviços para a casa



Westwing_Brasil_A0747441-55EF-49F8-928A-1583213589C0.jpg Divulgação Westwing Brasil
24/08/2020 às 20:44

O brasileiro nunca esteve tanto tempo em casa. O período de isolamento social, causado pela pandemia de covid-19, fez com que as famílias passassem a olhar com mais carinho para o local onde vivem. A rotina de trabalho e descanso no lar possibilitou que muitos, literalmente, arrumassem a casa, investindo em mais qualidade de vida, conforto e bem estar. 

Divulgação Westwing Brasil



A Mobills, app de controle financeiro, realizou uma pesquisa com o objetivo de entender como andam as finanças pessoais dos seus usuários. O levantamento aconteceu entre os dias 2 e 13 de julho, com mais de dois mil usuários da plataforma, com idades entre 18 e 60 anos, de todos os estados brasileiros.

A pesquisa apontou em quais categorias os respondentes mais compraram online nos últimos dois meses. Se destacaram as categorias: supermercado (26%); livros (23%); eletroeletrônicos (22%); roupas casuais (19%); produtos de beleza e autocuidado (18%); eletrodomésticos (16%); games para jogar online e/ou videogames (15%) e material de construção e/ou decoração (13%).

Móveis

A empresária Sylvia D’Almeida, dona da franquia Sierra Móveis em Manaus, conta que durante a pandemia os clientes buscaram a loja para ajustar pequenos detalhes em casa, como almofadas, itens decorativos e quadros.

Foto: Rudá Marques

“As pessoas deram mais valor para manter a casa arrumada, deixar um espaço agradável e confortável”, relata. “Quarto e sala ganharam mais visibilidade! Sem dúvidas, a sala que antes era esquecida, se comparada ao quarto, está recebendo mais atenção”, acrescentou. 

Manutenção

Somente no mês de julho, a Doutor Sofá Manaus, empresa especializada em limpeza e impermeabilização de estofados, registrou aumento de 25% em sua demanda. Nelson Vitorino, dono da franquia na capital, compartilha que o empreendimento se mantém em movimento ascendente desde a reabertura dos serviços não essenciais. 

Os clientes que já conheciam a marca voltaram a procurar a empresa e os novos cliente vieram por indicação. “Aquilo que as pessoas faziam por aparência, agora fazem pela higienização”, ressaltou.

Segundo o empresário, os clientes estão mais conscientes quanto à necessidade de limpeza e higienização de suas casas. A grande maioria solicitou os serviços da empresa para limpar sofá, tapete, cadeiras, colchões e cortinas. 

O sucessos resultou também em números nas redes sociais. A empresa ganhou 20% de novos seguidores desde o início da pandemia. Como forma de agradecimento, a empresa oferece de cortesia a limpeza de ursinhos de pelúcia aos contratantes. 

Todos os produtos utilizados pela Doutor Sofá são homologados pela Anvisa e o maquinário é importado da Itália. Um dos diferenciais é a utilização do  peróxido de hidrogênio, considerado um dos agentes desinfetantes para agir contra o coronavírus.

BLOG

Ricardo Romano, diretor comercial da Westwing Brasil. 

“Muita gente, de um dia para o outro, começou a fazer tudo em casa 24 por 7: trabalhar, fazer todas as refeições, se exercitar, passar o final de semana todo em casa precisando inventar novos tipos de lazer. E nesse contexto, acredito que cada cantinho da casa passou a ser visto de uma outra forma, com algum tipo de funcionalidade diferente, por exemplo. Hoje a minha sala não é só um lugar para assistir TV. É também minha academia, o lugar em que passo o meu sábado me distraindo com meus livros e eletrônicos ou até fazendo meu happy hour virtual de sexta com os amigos.

Diversos estudos e pesquisas mostram que o segmento de móveis e produtos para a casa estão entre os que mais cresceram em vendas e interesse nos últimos meses. Acho muito natural, apesar de não ter sido nada óbvio quando a pandemia começou. Se por um lado as pessoas estão preocupadas como futuro econômico e podem estar segurando os gastos considerados supérfluos, por outro não deixaram (e claramente aumentaram) o investimento no lugar em que hoje eles ficam a maior parte do seu tempo: suas próprias casas! Os clientes parecem estar reparando mais nos detalhes de cada ambiente de suas casas e têm consumido todos aqueles produtos que eles sentem que de algum forma trazem mais beleza, conforto e funcionalidade para seu viver.

Itens relacionados à cama, mesa e banho têm tido muito destaque, bem como produtos relacionados à cozinha, mesa e utilidade doméstica como um todo. Para essas últimas, resultado de um possível reflexo do fechamento de bares e restaurantes que pode ter feito com que os clientes tenham passado a cozinhar e fazer mais refeições em casa. Entretanto, todas as categorias de produto para a casa têm tido aumento significativo desde o início da pandemia: de móveis a cobertores.

O Westwing sempre foi um lugar para encontrar o que tem de mais novo e de tendência no mercado de casa, decoração e lifestyle. Temos tido incrível sucesso com nossas linhas de produtos exclusivos, que são as mais vendidas e as mais curtidas nas nossas mídias sociais. Elas trazem muito da nossa cara para coleções de diferentes categorias: de roupas de cama com cores super vibrantes à poltronas com design único e inovador. E tudo com um preço justo. Produtos mais artesanais e que também carregam algum tipo de apelo sustentável e socialmente responsável também têm se destacado, bem como releituras, como por exemplo a palhinha nos móveis de madeira.”

Procura por materias de construção cresce 60%

As regiões Norte e Centro-Oeste do país registraram crescimento de 60% na venda de materiais de construção no mês de julho de 2020. A informação é resultado da pesquisa realizada pela Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco) em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Segundo o levantamento, em nível nacional, 54% dos empresários do setor registraram aumento de vendas. Apenas 10% registraram perdas. 

Nos últimos três meses, o estudo destaca a alta nas vendas de produtos básicos (32%), tintas e vernizes (26%) e material elétrico (23%).

Entregas

Em Manaus, a Aladin Materiais de Construção registrou aumento considerável nos pedidos via redes sociais e ligações. De acordo com informações da equipe de vendas, pode-se dizer que dobrou a demanda e o número de entregas cresceu bastante.

Os itens mais procurados na loja são materiais elétricos, e para construção e acabamentos. 

Promoção

A Aladin apostou em propagandas em redes sociais, colocando quase todos produtos em promoções no pagamento à vista. Para compras acima de R$ 150,00 a facilidade é o frete grátis para toda a cidade. 

A empresa tem 30 anos de atuação no mercado, e é voltada para soluções integradas no fornecimento de materiais de construção, ferragens, ferramentas, equipamentos de proteção individual (EPI), entre outros.
 

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.