Quarta-feira, 22 de Janeiro de 2020
MAIOR INTEGRAÇÃO

Nova sede administrativa da Vivo é inaugurada na Zona Sul de Manaus

Situada no Edifício Soberane, a nova sede da gigante da telefonia visa maior integração entre funcionários. Local conta com um espaço de 490 metros quadrados



vivo_1AC83D7D-1A50-4AE0-81A8-427A95C4D162.JPG Foto: Eraldo Lopes
09/12/2019 às 19:59

Inaugurada no Edifício Soberane, nesta segunda-feira (9), na rua Salvador, bairro Adrianópolis, a nova sede administrativa da Vivo no Amazonas conta com um espaço de 490 metros quadrados construídos com um objetivo: a integração. O diretor regional da companhia, Rodrigo Pereira Júnior, explicou que o ambiente se adéqua as políticas da empresa, que agora busca maior diversidade e um clima mais despojado para facilitar as relações de trabalho.

“Saímos de um modelo antigo que tinha salas fechadas onde as pessoas não interagiam. Hoje, o diretor fica no centro do ambiente, como todo mundo, e o ganho e agilidade que conseguimos para a resolução de problemas é incrível. E mais do que isso, o ambiente fica mais saudável”, contou.



Por enquanto, são 58 funcionários das áreas de vendas, engenharia, jurídico e administrativo com salas amplas nas quais os colaboradores não possuem lugares predeterminados de trabalho e podem realizar um rodízio dependendo da sua necessidade laboral.


Nova sede busca maior integração entre funcionários. Foto: Eraldo Lopes

Nova cultura

Rodrigo apontou ainda que esse modelo de “coworking” entre setores já é praticado em outros polos da companhia no Brasil e vem apresentando resultados positivos como melhoria da criatividade, resultados mais rápidos, respeitando a diversidade de ideias.

“Outro ponto interessante é que isso é uma troca de cultura, justamente, porque [antes] existia um modelo muito antigo”, pontuou o diretor.

O resultado esperado na sede da companhia no Amazonas é a melhora do ambiente de trabalho e a melhor recepção da nova geração, que cada vez menos se interessa pelos moldes tradicionais de trabalho. Para isso, foram adotadas estratégias como o programa “Vem de você”, que proporciona a liberdade de escolha dos trajes pelos funcionários, que poderão optar por roupas mais leves; a implantação de banheiros unissex, dando atenção à causa LGBT+; e a opção por homeworking.


Rodrigo Pereira Júnior é o diretor regional da companhia. Foto: Eraldo Lopes

“É realmente uma mudança de cultura em que estamos mais preocupados em solucionar e ter agilidade nas resoluções de problemas, ou de criação, do que termos um ambiente fechado como se tinha antigamente”, contou o diretor.

A subsidiária da Telefônica no Brasil, que atualmente atende mais de 375,5 milhões de usuários em 17 países, agora expande seus serviços para além das telecomunicações, abrangendo também a criação de aplicativos para celular e sistemas de internet das coisas.

News giovanna 9abef9e4 902c 428b a7c8 c97314664fb7
Repórter
Repórter de A CRÍTICA. Sempre em busca de novos aprendizados que somente uma boa história pode trazer.

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.