Publicidade
Eleições
TEMPO REAL

Artur Neto e Marcelo Ramos no segundo turno das eleições em Manaus

Tucano que briga pela reeleição fica acima dos 35% dos votos válidos, enquanto Marcelo fica pouco mais de 10% atrás, na segunda colocação 02/10/2016 às 17:48 - Atualizado em 02/10/2016 às 18:43
Show artur ramos
Artur e Marcelo lideraram as pesquisas de intenção de votos desde o início da campanha (Fotos: Euzivaldo Queiroz e Evandro Seixas)
acritica.com Manaus (AM)

Liderando as pesquisas de intenção de voto desde o início da campanha eleitoral, Artur Neto, da coligação 'Por Uma Só Manaus',  e Marcelo Ramos, da coligação 'Mudança Para Transformar', vão disputar o comando da Prefeitura de Manaus pelos próximos quatro anos no segundo turno.

Com 99,31% das urnas apuradas, Artur Neto manteve-se na liderança com 35,17% dos votos, contra 24,85% dos votos de Marcelo Ramos. Os dois, desde o princípio da campanha, polarizaram as atenções e fizeram uma reta final de propaganda já antecipando um segundo turno, inclusive com direitos a batalhas na Justiça Eleitoral por direitos de resposta.

Artur quer seu terceiro mandato como prefeito de Manaus.  Ele, que já havia sido eleito prefeito em 1988, voltou ao posto máximo do Executivo Municipal em 2012, dois anos após ser derrotado em uma eleição polêmica para o Senado. Nesta caminhada em busca da reeleição, ele aliou-se ao antigo desafeto, o senador Eduardo Braga (PMDB), que indicou o deputado federal Marcos Rotta para o cargo de vice-prefeito na chapa.

A ida do PMDB para a chapa de Artur causou a saída do PSD. O deputado estadual Josué Neto, dado como vice certo de Artur no período pré-eleitoral, acabou indo para a chapa de Marcelo Ramos, que busca seu primeiro mandato no executivo. Marcelo Ramos, que já teve passagens pelo PC do B e pelo PSB, já foi vereador por dois mandatos e também exerceu um mandato de deputado estadual.  Em 2014, candidatou-se ao Governo do Estado, ficando em terceiro lugar.

Veja a última parcial:

Publicidade
Publicidade