Publicidade
Eleições
NOVO ALIADO

Após desistir de candidatura, Silas Câmara vai apoiar Amazonino Mendes

Deputado federal do PRB anunciou adesão à candidatura do ex-governador, e levará para a chapa os partidos PSC e PTC, que antes o apoiavam 19/06/2017 às 12:21 - Atualizado em 19/06/2017 às 12:47
Show whatsapp image 2017 06 19 at 12.12.55  1
Silas fez o anúncio do apoio na tarde desta segunda-feira (Foto: Clóvis Miranda)
Camila Pereira Manaus (AM)

O deputado federal Silas Câmara  (PRB) irá apoiar a chapa encabeçada por Amazonino Mendes (PDT), na eleição suplementar para o Governo do Estado que acontece no dia 6 de agosto. 

No ultimo dia de convenções, ocorrido na sexta-feira (16), Silas anunciou que desistiu de concorrer ao pleito ao lado do coronel Amadeu Soares, que seria seu candidato a vice-governador

Com a decisão, a candidatura de Amazonino também terá, além do PRB de Silas, apoio dos partidos PSC e PTC, que estavam no arco de alianças de Silas Câmara. 

"Estou muito à vontade com essa decisão, não tem incoerência alguma. O grupo político que está definindo, e transito nele há quase vinte anos", disse o deputado federal, acrescentando que ainda não conversou com Amazonino Mendes sobre a questão. 

O deputado federal reforçou que a decisão de apoiar Amazonino partiu do grupo político do qual faz parte.  "Nosso time decidiu apoiar a candidatura de Amazonino Mendes, porque encontramos no nome dele uma pessoa que reúne experiência e capacidade administrativa de estabilizar o Estado nesse momento. E ele reúne a certeza de que tem tranquilidade de que irá completar o mandato, nao será abatido como José Melo foi". 

Silas Câmara afirmou ainda que resolveu retirar sua candidatura para "não constranger aliados". "Depois de olhar quase dez candidaturas, e ver o cenário político, achei melhor não constranger meus aliados, que estavam tendo que dar apoio com o coração em outro lugar", argumentou. 

Com a adesão do PRB, PTC e PSC, Amazonino Mendes deve ser o candidato com mais tempo de TV na propaganda política. Ele tinha 2min54s, contra 3 minutos de Eduardo Braga. Mas como o PRB conta com 21 deputados federais, o tempo de Amazonino na TV deve ultrapassar o do adversário. "Nosso movimento dá uma robustez fantástica à candidatura. Damos não só mais tempo de televisão mas também uma capilaridade que nenhum outro grupo tem", defendeu Silas. 

Publicidade
Publicidade