Sábado, 16 de Novembro de 2019
POSTURA

David Almeida confirma apoio a Rebecca e diz que o povo "clama por mudanças"

Governador contrariou o posicionamento de seu partido, que aliou-se a Amazonino Mendes, e disse que está disposto a pagar o preço pela "rebeldia"



WhatsApp_Image_2017-06-16_at_16.52.31.jpeg David Almeida confirmou seu apoio a Rebecca Garcia na tarde desta sexta-feira (Foto: Antônio Lima)
16/06/2017 às 17:16

"O povo cansou das mesmas pessoas ocupando o cargo de chefia do Executivo". A afirmação é do governador David Almeida (PSD), ao declarar apoio à chapa formada por Rebecca Garcia (PP) e Abdala Fraxe (PTN) para o Governo do Estado. 

O governador tomou a decisão de apoiar a candidatura independente da posição do seu partido, que formou a chapa com PDT e PSDB em prol do nome de Amazonino Mendes (PDT) para o Governo do Estado. "Antes de anunciar, eu liguei para o presidente do meu partido, senador Omar Aziz a quem tenho maior respeito, com quem não vou brigar. Eu apenas não concordei com a condução da indicação do nome que poderia representar meu partido", defendeu ele, afirmando que não se curvará. 



Afirmando que a população "clama por mudanças", David posou ao lado de Rebecca e Abdala Fraxe acompanhado por outros parlamentares, como Platiny Soares (DEM). Ele reafirmou que quis ser o nome da mudança como candidato ao Governo, mas que o seu partido não permitiu. "Se falarmos de infidelidade partidária, a infidelidade partidária não é minha, é do meu partido. Eu não cometi infidelidade partidária com ninguém, o partido que me negou o direito de ser candidato para disputar a eleição". 

Com seu posicionamento, David afirmou que está contrariando diversos interesses, mas que está disposto a pagar o preço. "Se eu não tomo a decisão que eu tomei hoje (...) Segunda-feira, aqueles que se acham os donos do Amazonas já estariam dando ordem para os meus secretários", afirmou ele. 

 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.