Publicidade
Eleições
bancos

Greve atrapalha candidatos na prestação de contas da campanha ao TRE-AM

A greve dos bancários, que começou dia 6, prejudicou candidatos e partidos políticos que estão obrigados a prestar contas da movimentação financeira de suas campanhas eleitorais ao Tribunal 09/09/2016 às 21:44 - Atualizado em 10/09/2016 às 08:56
Show serafim correa
O candidato Serafim Correa (PSB) encontrou dificuldade para conseguir os extratos bancários, documento que está entre os exigidos pela Justiça Eleitoral.
Janaína Andrade Manaus

A greve dos bancários, que começou dia 6, prejudicou candidatos e partidos políticos que estão obrigados a prestar contas da movimentação financeira de suas campanhas eleitorais ao Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE/AM).

É o caso do candidato Serafim Correa (PSB), que encontrou dificuldade para conseguir os extratos bancários, documento que está entre os exigidos pela Justiça Eleitoral.

O prazo para envio dessas informações começou na sexta-feira, 9, e segue até o dia 13 de setembro. Nela devem constar o registro das transferências do Fundo Partidário, os recursos em dinheiro e os estimáveis em dinheiro, bem como os gastos que foram realizados desde o início da campanha até o dia 8 de setembro.

“Nós estamos tentando conseguir os extratos, mas a greve dos bancários dificultou isso. Mas o fato é que até o término do prazo, vamos entregar a prestação de contas. De Fundo Partidário nós recebemos R$ 250 mil, de doação partidária, nada. Estamos fazendo uma campanha modesta. Vamos nos limitar ao que têm, ao que é possível”, disse Serafim.

As prestações do candidato a reeleição, Artur Neto (PSDB) e o deputado federal Hissa Abrahão (PDT) serão enviadas, respectivamente no dia 11, domingo. Os candidatos Henrique Oliveira (SD) e Luiz Castro (Rede) afirmaram de a prestação será entregue no dia 12 de setembro. O candidato do PR, Marcelo Ramos, apresenta a prestação na data-limite, 13 de setembro. O mesmo informou o deputado federal Silas Câmara, candidato do PRB.

A reportagem tentou entrar em contato com o candidato Professor Queiroz (PSOL), por meio dos telefones 982xxxx93 e 991xxxx01, mas não fomos atendidos. O candidato também não respondeu as mensagem via WhatSapp. 

De acordo com a Resolução n. 23.463/2015, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgará, no dia 15 de setembro – na página da internet -, a prestação de contas parcial dos candidatos e dos partidos políticos com a indicação dos nomes, dos CPFs dos doadores, dos CNPJs dos partidos políticos e dos candidatos doadores, bem como os valores doados.

Publicidade
Publicidade