Publicidade
Eleições
tranquilidade

Presidente do Tribunal Regional Eleitoral apresenta balanço parcial da eleição no Amazonas

O desembargador Yêdo Simões informou que, até o momento, a eleição é tranquila, não havendo prisões por crimes eleitorais 02/10/2016 às 10:34
Show af269250 522b 464c 888e 1b73e72eb3af
O único problema apresentado até agora foi a troca de 11 urnas em todo o Estado (Foto: Geraldo Farias)
Geraldo Farias Manaus (AM)

Apresentando um balanço parcial da eleição em todo o Estado, o presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM), desembargador Yêdo Simões, informou que, até o momento, a eleição é tranquila, não havendo prisões por crimes eleitorais. O único problema é com a troca de 11 urnas que apresentaram problemas em todo o Estado. 

"Até o momento não constatamos nenhum crime eleitoral, nenhuma apreensão de dinheiro e boca de urna", disse Simões. O desembargador informa que o pleito está sendo tranquilo nesta manhã devido ao trabalho de prevenção realizado pelo TRE, com uma equipe de vigilância e fiscalização atuando desde a madrugada. 

Entre as 11 urnas eletrônicas que precisaram ser trocadas no Estado foram três em Manaus, quatro no município de Tapauá, uma em Guajará, uma em Itapiranga e outra em Manacapuru, segundo informação do secretário de Tecnologia e Informação do TRE, Rodrigo Camilo. 

O desembargador Yêdo Simões também explicou que a demora na votação devido a biometria depende do eleitor, pois a previsão do Tribunal é que a média de tempo para realizar o voto através do leitor biométrico é de 30 segundos. "Essas informações de problemas na votação biométrica não procede. Eu mesmo fiz a minha biometria em cinco segundos. Isso depende muito do eleitor. A biometria é um sucesso", frisou o presidente do TRE.

Publicidade
Publicidade