Publicidade
Eleições
PROBLEMAS

Urna tem problemas no leitor biométrico em escola no Petrópolis, diz TRE

Outras cinco urnas precisaram ser reiniciadas antes da votação, segundo Edrei Fabrício, secretário-chefe da sessão de urnas do órgão 02/10/2016 às 09:25 - Atualizado em 02/10/2016 às 10:21
Show urna2
O Tribunal possui 500 urnas em contingência para substituição das que precisarem ser trocadas durante o dia em Manaus
Geraldo Farias Manaus (AM)

O secretário chefe da sessão das urnas eletrônicas do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Edrei Fabrício, informou que em Manaus uma urna precisou ser trocada na escola Major Silva Coutinho, Petrópolis, por falha no leitor biométrico. "A máquina não estava fazendo a leitura da biometria, pedimos para o mesário tentar reinicar, mas o problema persistiu e efetuamos a troca da urna", explicou Edrei. 

Outras cinco urnas precisaram ser reiniciadas antes da votação, quando o sistema travou. O problema é resolvido apenas desligando e ligando as urnas, segundo Edrei Fabrício.

O Tribunal possui 500 urnas em contingência para substituição das que precisarem ser trocadas durante o dia em Manaus. O problema na urna que precisou ser trocada ocorreu por volta das 8h40.

Publicidade
Publicidade