Publicidade
Enem
PREPARAÇÃO

Edição do Jornal A Crítica traz 4º fascículo do Enem neste domingo (29)

Os fascículos possuem questões ao estilo Enem e ajudam o estudante a se preparar de forma adequada para o exame. Mais uma videoaula no Portal A Crítica também será disponibilizada neste final de semana 27/07/2018 às 20:48 - Atualizado em 28/07/2018 às 08:47
Show fasciculo enem acritica
Foto: Márcio Silva
Priscila Rosas Manaus (AM)

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) será aplicado nos dias 4 e 11 de novembro deste ano. A preparação para a prova exige estudo, preparação, determinação e esforço. Com uma boa nota, é possível conseguir a tão desejada vaga no Ensino Superior Público. É pensando nisso que o jornal A CRÍTICA está disponibilizando fascículos do Enem, até o dia 28 de outubro, sempre nas edições de domingo. A publicação integra o Projeto Enem do SAS Plataforma de Educação.

Os fascículos possuem questões ao estilo Enem e ajudam o vestibulando a se preparar de uma forma mais adequada para o exame. De acordo com Ademar Celedônio, diretor de Ensino e Inovações do SAS, as questões são retiradas de um banco e baseiam-se nos assuntos mais recorrentes que caíram nas edições de 2009 a 2017.

“Disponibilizamos essas questões e as videoaulas (assista aqui) de forma perene, para que os alunos possam estudar conforme o seu ritmo. Ele pode tanto acompanhar semanalmente quanto estudar por blocos”, diz. 
O material de estudo teve como ponto de partida o Raio-X Enem, uma pesquisa feita pelo SAS que identificou os conteúdos mais recorrentes da prova. Ele é dividido em quatro ciclos abordando as quatro áreas de conhecimento cobradas no exame.

“O fato de trazermos o Raio-X Enem como suporte para a construção do projeto colabora com a aproximação daquilo que mais cai. O aluno vai focar nos seus estudos em conteúdos que têm mais chances de aparecer na prova, e não naqueles que só vê em sala de aula”, explica.

Os fascículos começaram a ser disponibilizados no dia 8 de julho e seguem até o domingo antes da prova. Mas, para quem não acompanhou desde o primeiro, ainda dá tempo de correr atrás do prejuízo. “Claro que um aluno que acompanha o projeto religiosamente, estudando cada fascículo por semana, tem mais tempo de analisar aquele conteúdo, buscar questões semelhantes, ver e rever as videoaulas, aprofundar-se nos assuntos abordados... Já o aluno que prefere estudar com os fascículos de forma cumulativa, respondendo a 2 ou 3 de uma única vez, terá estudado também”, diz.

Segundo comentou ele, cada aluno tem sua própria maneira de estudar. O modo como se estuda tem que ser efetivo para a aprovação. “O que funciona para uns não funciona para outros. O importante é que eles façam da maneira que lhes tragam melhor aproveitamento”, ressalta.

O quarto fascículo será sobre Ciências da Natureza e suas Tecnologias e é encartado gratuitamente junto com a edição deste domingo (29) do Jornal A CRITICA. A vídeoaula do projeto também é disponibilizada no mesmo dia no Portal A Crítica (veja todos os nossos conteúdos sobre o Enem aqui).

Publicidade
Publicidade