Terça-feira, 21 de Janeiro de 2020
DANÇA

1ª edição do Festival de Tradições Gaúchas no AM acontece neste domingo (14)

Evento acontece no Centro Estadual de Convivência da Aparecida a partir das 11h. É a primeira vez que o festival será apresentado no Amazonas



dan_a.jpg Foto: Divulgação
12/01/2018 às 10:29

Neste domingo (14), o Centro Estadual de Convivência do Idoso – Aparecida vai receber, a partir das 11h, o Festival de Tradições Gaúchas no Amazonas (FESTGAM). Realizado pelo Centro de Tradições Gaúchas – Rancho Manauara, o evento terá entrada franca.

O festival será realizado com a modalidade “Chula”, que é uma competição de melhor sapateado disputada pelos peões. A prova será individual e o vencedor  ganhará um troféu simbólico. A festa contará, ainda, com a participação musical do DJ Inaldo Santos. 



De acordo com o coordenador do evento, Tarciso dos Santos, o objetivo é fazer um intercâmbio cultural para conscientizar os participantes sobre a importância das tradições gaúchas. “Temos como principal finalidade valorizar o artista amador, evitando atitudes individuais ou coletivas que deslustrem os princípios de formação moral do povo gaúcho”, afirma.

Ainda segundo Tarciso, é a primeira vez que o festival será apresentado no estado, o que torna tudo ainda mais significativo. “Desejamos que essa estreia aqui no Amazonas seja um sucesso, nosso objetivo é mesclar essas culturas, espero que todos os participantes fiquem satisfeitos com o evento”, ressalta. 

Desenvolvido pelo Centro de Tradições Gaúchas – Rancho Manauara, o Festival de Tradições Gaúchas é um projeto com mais de 30 anos de existência, tem por finalidade a preservação e valorização dos costumes e da cultura popular do Rio Grande do Sul e visa uma aproximação entre a cultura gaúcha e os demais territórios brasileiros.  

Serviço

O quê: Primeira edição do Festival de Tradições Gaúchas no Amazonas (FESTGAM)
Local: Centro Estadual de Convivência do Idoso – Rua Wilkens de Mattos, s/n, Nossa Sra. Aparecida
Data/hora: Domingo, dia 14 de Janeiro de 2017, às 11h
Entrada: Gratuita
Classificação indicativa: Livre

*Com informações da assessoria de imprensa


Mais de Acritica.com

20 Jan
trans_8C3DB8BB-BCF9-43E8-B068-3BED79D3DBF5.JPG

Mutirão retifica nomes e assegura identidade de travestis e transsexuais

20/01/2020 às 20:27

Como o procedimento feito diretamente no cartório não é tão simples (a lista de documentos exigidos é extensa) e nem sempre é barato (custa em média entre R$350 a R$ 400), a ação visa não somente facilitar a vida das pessoas transexuais que desejam alterar o nome e gênero de registro em sua documentação de nascimento, como também vai acompanhar e custear a certidão de tabelionato de protestos


Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.