Quinta-feira, 21 de Novembro de 2019
Entrevista

‘A dona da rua’: Mônica Sousa fala sobre sua infância e sobre o filme 'Laços'

Em conversa com o BEM VIVER GENTE, mulher cuja infância inspirou revista em quadrinhos fala sobre relação com o passado e com os personagens do filme



b0115-1f_2CF744FA-3CF0-48CE-A31A-CC3EE67BD8BE.jpg Foto: Divulgação
15/07/2019 às 15:04

“Eu era uma criança como qualquer outra”. A frase parece difícil de ser assimilada como dita por alguém cuja infância foi o centro da revistinha em quadrinhos mais famosa do Brasil. Mas veio justamente da boca da empresária Mônica Sousa, 54, filha do quadrinista Maurício de Sousa. Comemorando o sucesso de críticas do filme “Turma da Mônica - Laços”, ela conta com exclusividade ao BEM VIVER GENTE como interage com os aspectos e personagens do filme, e fala sobre a relação que possui com a sua própria história - seja nos quadrinhos ou na vida real.

O filme recria algum aspecto da sua infância ou os roteiristas criaram uma historinha específica?



Na verdade, o filme é baseado na nossa graphic novel “Turma da Mônica – Laços”, criada em 2013 pelos irmãos Vitor e Lu Cafaggi e premiada com o Troféu HQ Mix. A publicação fez parte do projeto Graphic MSP, que traz releituras dos personagens da Turma da Mônica sob a visão de artistas brasileiros dos mais variados estilos. A história traz a turminha vivendo uma aventura em busca do Floquinho, cachorro de estimação do Cebolinha.

Houve alguma conversa dos roteiristas com você e seus irmãos para fazer o roteiro do filme? Se sim, como contribuíram?

O filme sempre foi um sonho para todos nós, então nos esforçamos para participar de todo o processo, especialmente da escolha do elenco, mas sempre com muita confiança no trabalho dos roteiristas e toda a equipe envolvida.

Quem era você (a Mônica de carne e osso) na infância? Quais suas memórias mais importantes? Você era brava e a dona da rua conforme retratado nos gibis?

As pessoas ficam muito curiosas para saber como é ser a Mônica e sobre como era a minha infância. Eu era uma criança como qualquer outra, que adorava brincar, conhecer as coisas. Só um pouco mais geniosa, rs. Meu pai pegou a essência de cada um de nós quando criou os personagens. Não só me considero dona da rua, como acredito que todas as meninas e mulheres também são. Somos fortes o suficiente para sermos o que quisermos.

O que você achou da atriz que faz a Mônica no filme? Teve alguma conversa com ela para orientá-la acerca da personagem? Quais suas impressões?

A Giulia é uma fofa! No momento em que colocamos nossos olhos nela, soubemos que tínhamos encontrado a Mônica. Eu e meu pai conversamos muito com o Daniel Rezende sobre os personagens e nossas expectativas. Ele e toda a equipe fizeram um trabalho incrível para deixar tudo o mais real possível. Ficou encantador!

Como é sua relação com os fãs da revistinha? Tem alguma história engraçada de algum fã que possa compartilhar com a gente?

Eu adoro receber o carinho dos fãs. É muito gratificante ver o quanto nossos personagens marcam a vida das pessoas e são amados por elas. Além de ser uma enorme felicidade, é uma responsabilidade também, pois sei que a Turma da Mônica é uma inspiração. Entendo essa sensação de proximidade que os fãs têm com a gente, pois a turminha faz parte da vida de muitos. É muito bom e emocionante, alguns chegam a chorar ao nos conhecer.

O que você faz hoje? Quais projetos você desempenha?

Sou diretora-executiva da Mauricio de Sousa Produções, responsável pela área de licenciados, digital e outros projetos como o Donas da Rua, que foi uma ideia minha e meu pai aceitou na hora.

Como é se ver nos quadrinhos por tantos e tantos anos? Qual a sensação que te cabe hoje com todo esse sucesso?

É uma delícia! Principalmente, porque boa parte dos personagens são inspirados em meus irmãos, primos, amigos etc. A minha família está ali naquelas histórias e é muito bom ver como tudo ganhou tamanha proporção e ainda alcança e encanta tantas pessoas.

Subeditora de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.