Publicidade
Entretenimento
Vida

A peruca treme! Ator Denis Lacerda se apresenta no Festival Breves Cenas de Teatro

Ator e humorista cearense fala sobre seu espetáculo na 7ª edição do festival que começa hoje (26) em Manaus e vai até dia 29, só com peças e produções curtas 26/11/2015 às 15:18
Show 1
Deydianne Piaf, personagem do ator Denis Lacerda
Laynna Feitoza Manaus

Os personagens do ator Denis Lacerda costumam imprimir muitas características de cada região por onde ele passa, nas apresentações. O mais aclamado deles, a drag queen Deydianne Piaf, quase fez Denis “bater” a peruca rosa ao saber que, numa de suas apresentações em Manaus, estava falando com o cantor Zezinho Corrêa, vocalista da banda Carrapicho.

“Quando ele começou a conversar e a gente descobriu, não acreditávamos. Como foi na época da Copa, juntei a persona da Deydi cantando Vanusa e mesclado com ‘Tic Tic Tac”, declara ele, que se prepara para apresentar-se aqui no dia 29, pelo 7º Festival Breves Cenas de Teatro. Denis, por sua vez, virá como convidado no dia do encerramento do festival e apresentará, além de Deydianne, uma adaptação curta do espetáculo “Cacos de Família”.

Performance

Com a personagem Deydianne, Denis garante que irá trazer para Manaus uma versão mais performática. “Ela é minha personagem principal e fala do universo do travesti”, dispara o ator de Fortaleza (CE), lembrando que no meio das performances haverá uma em alusão à cantora Joelma, recentemente abalada pela traição do ex-marido, Chimbinha. “Se der tempo, também vamos brincar com a plateia, de fazer um concurso de beleza”, aponta ele.

Já para o espetáculo “Cacos de Família” ele ressalta que a adaptação será maior. “O espetáculo é bem amplo, porque tem um elenco de oito pessoas”, coloca. A montagem é ambientada em um programa de TV e Lacerda interpretará a apresentadora do show. “Vou usar a plateia como participante do programa. Será uma cena de cinco minutos em que vamos colocar comercial, vinheta do programa e poesias de homenagem. Haverá uma persona secreta, da qual contarei a história. A plateia vai opinar sobre a vida dela”, pontua. A obra é da Cia. Cearense de Molecagem (CE).

Programa

O cearense também foi vencedor do 2º Prêmio Multishow de Humor com a personagem Ludmila. Isso foi a ponte de contato entre ele e o canal, para que ele fizesse parte da equipe de “Treme Treme”. “Após ganhar, fiz um contato com eles no meio do ano e recebi o convite para movimentar a cena de humor de lá. Fiz o teste, fui aprovado e depois de uma semana começamos a gravar. O meu contrato é por obra”, pontua Denis.

O programa humorístico “Treme Treme” tem como principais cabeças Fernando Caruso, Gustavo Mendes e Márcia Cabrita – além de Denis. A atração se passa em um edifício, cujo personagem é justamente Ludmila. Mulher de mil faces, ela é blogueira, atriz, bailarina clássica, entre outros. “Ela é tudo isso, mas na verdade não é nada”, comenta Lacerda, aos risos.

Esperado retorno

Denis, que já se apresentou na capital amazonense em um festival de dança e no Palco Giratório de 2014, não vê a hora de retornar à cidade. “Teve uma energia muito bacana. Vou retornar por conta da ampla bagagem cultural. Toda vez que vou para um lugar, fico pensando se vou voltar mesmo (risos). No Teatro Amazonas vou me apresentar pela primeira vez. Voltar para a cidade e estar naquele espaço, com aquela arquitetura, será uma grande honra”, encerra.

Sobre o evento

O Festival Breves Cenas chega à sétima edição com apresentações no Teatro Amazonas de 26 a 29 de novembro, com entrada gratuita. No total, 12 grupos de todo o Brasil e atividades acadêmica estão na programação. O ator e humorista Denis Larceda é a atração do último dia. As cenas selecionadas, gêneros teatrais diferentes, tem no mínimo de quatro minutos e 49 segundos  e, no máximo, de 15 minutos e um segundo para se apresentar, conforme regulamento.

Participação

O Rio de Janeiro é o Estado que mais aprovou montagens para o festival, um total de cinco cenas, seguido de São Paulo que terá três concorrentes. O Amazonas terá um representante, que será a Cia. de Teatro Língua de Trapo com a montagem “Le Sollo Palhaço”. Serão quatro cenas apresentadas por noite, sempre a partir das 20h (somente no domingo será 19h). Como ocorrem em  todos os anos, os intervalos também terão uma programação para animar o público durante a montagem do cenário do grupo seguinte.

Serviço

O quê: 7º Festival Breves Cenas de Teatro
Quando: 26 a 29 de novembro, às 20h (domingo às 19h)
Onde: Teatro Amazonas
Quanto: Gratuito

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade