Publicidade
Entretenimento
MÚSICA

Amazonas Filarmônica inicia Série de Concertos de 2019 no Teatro Amazonas

Homenagens a Claudio Santoro estão na programação de sábado (9). Quatro apresentações acontecem em fevereiro 08/02/2019 às 12:18 - Atualizado em 08/02/2019 às 15:19
Show 1448165 84e1e398 6f55 4c28 bc27 40bcff435944
Foto: Euzivaldo Queiroz
acritica.com

A Orquestra Amazonas Filarmônica inicia a “Série de Concertos 2019” neste sábado (9), às 20h, com obras do compositor austríaco Franz Schubert e do checo Antonín Dvorák. O concerto terá regência do maestro Luiz Fernando Malheiro, com entrada gratuita.

“A orquestra está voltando e abrindo essa temporada de 2019 com esse programa sinfônico sem solistas. Vamos apresentar duas sinfonias do período romântico. A ‘Sinfonia Inacabada’ de Schubert, que tem esse nome porque ele escreveu apenas dois movimentos e, apesar de não ter terminado, virou um hit do repertório das salas de concerto de todas as orquestras. Depois, uma sinfonia que é pouquíssimo executada, de Dvorák, compositor checo. Ele  tem algumas obras muito conhecidas, como a Sinfonia do Novo Mundo,  mas essa, de nº5, raramente é executada nas salas de concerto. São duas obras muito bonitas, com uma música muito gostosa de se ouvir e que mostram a qualidade da nossa Filarmônica”, adianta o maestro Malheiro. 

No domingo, dia 17 de fevereiro, às 11h, a Orquestra Amazonas Filarmônica apresenta “Concertos para Juventude”, também sob regência do maestro  Malheiro. O repertório tem obras de Vivaldi, Mozart, Beethoven, Tchaikovsky, Villa-Lobos e Claudio Santoro.

“Vamos fazer um panorama de peças também bastante conhecidas, desde o barroco, com o primeiro movimento da primavera das Quatro Estações de Vivaldi, até o nosso Cláudio Santoro com o Frevo, que ele escreveu para a grande orquestra, neste ano em que se comemora 100 anos do nascimento de Santoro e 20 anos de sua morte. Em um ano em que todas as orquestras do Brasil estão dedicando partes de suas programações ao nosso grande compositor amazonense, nós não poderíamos ficar de fora dessas comemorações”, ressaltou. 

Os  concertos para a juventude vão ser comentados pelo  assessor artístico da Filarmônica Átila de Paula. A “Série de Concertos” volta na quinta, dia 21 de fevereiro, às 20h, desta vez apresentando as sinfonias 4 (Sinfonia da Paz) e 9 (Homenagem a Francisco Mignone), também do compositor amazonense Claudio Santoro. O concerto terá regência do maestro Marcelo de Jesus e participação do Coral do Amazonas. 

Finalizando a programação, na quinta dia 28 de fevereiro, às 20h, a Orquestra Amazonas Filarmônica apresenta as obras do compositor alemão Johannes Brahms. Serão apresentadas as composições “Canção do Destino” e a “Sinfonia Nº 2”. A regência será do maestro Otávio Simões. Todas as apresentações são gratuitas.

Publicidade
Publicidade