Terça-feira, 19 de Novembro de 2019
ESPETÁCULO

Amazonas Filarmônica se apresenta com convidados pela 'Série Guaraná'

O espetáculo acontece nesta quinta (17) tem duração de 1h40, com intervalo de 15 minutos. A classificação indicativa é de 10 anos. Entrada é gratuita



WhatsApp_Image_2019-10-15_at_16.53.47__2___1__A7CBD02F-E0E2-4BCF-8B90-E441CF5D3B3A.jpeg Foto: Divulgação
16/10/2019 às 10:00

O maestro Guilherme Mannis e o clarinetista Daniel Oliveira são os convidados do concerto que o Teatro Amazonas recebe, na próxima quinta-feira (17) às 20h, como parte da programação da "Série Guaraná XVI", realizada pela Secretaria de Estado de Cultura (SEC), com patrocínio do Guaraná Antarctica. O evento tem entrada gratuita. 

Mannis, que é regente titular da Sinfônica de Sergipe, regerá a Amazonas Filarmônica, experiência que ele já teve em outros momentos.



“A Amazonas Filarmônica é uma orquestra excepcional, o que pude comprovar em várias outras oportunidades em que a regi no Teatro Amazonas. As orquestras dos estados possuem um papel primordial frente às suas sociedades, e o trabalho brilhante feito pelos maestros e músicos destes grupos trazem continuamente um novo panorama artístico às populações”, observou.

O maestro ainda destaca que serão apresentadas duas peças do repertório russo e uma obra de Magnus Lindberg.

“O público poderá esperar um concerto absolutamente vibrante, com duas peças incríveis do repertório russo: a Abertura Festiva, de Dmitri Shostakovich, e a última peça composta por Rachmaninoff: suas Danças Sinfônicas. Executaremos também um concerto muito desafiador para clarinete e orquestra de Lindberg, brilhantemente executado pelo Daniel Oliveira”, adiantou.

O espetáculo tem duração de 1h40, com intervalo de 15 minutos. A classificação indicativa é de 10 anos.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.