Publicidade
Entretenimento
Vida

Aniversário de 60 anos do Clube da Madrugada é relembrado na Academia Amazonense de Letras

Artistas Zemaria Pinto e Mauri Mrq farão aula-show neste sábado (22) na programação da série “60 anos do Clube da Madrugada” 20/11/2014 às 14:34
Show 1
“Clube da Madrugada” estabeleceu-se como o mais importante movimento artístico do Amazonas
ACRITICA.COM ---

Para celebrar os 60 anos do “Clube da Madrugada”, associação literária e artística brasileira fundada no dia 22 de novembro de 1954, o escritor Zemaria Pinto e o compositor Mauri Mrq se uniram para criar o CD-livro “Lira da Madrugada”, que deveria ser lançado na Academia Amazonense de Letras na manhã do próximo sábado (22).

Infelizmente a obra, confeccionada em São Paulo, não ficará pronta a tempo. Entretanto, esse contratempo não modificará a programação do projeto “Sábado na Academia”, dentro da série “60 anos do Clube da Madrugada”. O “Clube” é considerado como o mais importante movimento artístico do Amazonas.

Na época da fundação, um momento de estagnação econômica, jovens intelectuais com interesses diversos resolveram “chacoalhar” o marasmo, questionando não apenas a literatura, encastelada na sisuda Academia Amazonense de Letras, mas também as artes plásticas, a filosofia, a economia e a sociologia.

Além de artístico e literário, o “Clube da Madrugada” também convergiu para um movimento político, de onde se desprenderam uma abrangência de interesses. Contudo, foi na literatura e nas artes plásticas que a associação deixou suas marcas mais profundas, criando nesses segmentos criativos, inclusive, um “antes” e um “depois” do “Clube”

Aula-show

O trabalho a ser lançado pelos artistas Zemaria Pinto e Mari Mrq foca especialmente na “Poesia no Clube da Madrugada”. Neste sábado (22), sem o lançamento do livro, eles farão uma apresentação como uma aula-show nos moldes do saudoso Ariano Suassuna.

Zemaria comentará os poemas dos “madrugadenses” musicados por Mauri Mrq, que mostrará o seu trabalho na consagrada estrutura bossanovista: “um banquinho, um violão”. A dupla contará ainda com a presença da poeta Astrid Cabral, que dará um testemunho da sua vivência no Clube da Madrugada.

Serviço

O quê: Projeto Sábado na Academia apresenta a série “60 anos do Clube da Madrugada”

Quando: Sábado (22), às 10h

Quem: Presença dos escritores Zemaria Pinto e Astrid Cabral e do compositor Mauri Mrq

Onde: Sede da Academia Amazonense de Letras – Casa de Adriano Jorge, rua Ramos Ferreira, 1009 – Centro.

Publicidade
Publicidade