Quarta-feira, 20 de Novembro de 2019
INFS 2017

Arlindo Jr será homenageado em Arraial que resgata folclore e raiz cultural

As Instituições Educacionais Nelly Falcão de Souza (INFS) realizam neste sábado (17), a partir das 17h, o Arraial INFS 2017



ARLINDO03333.jpg (Foto: Arquivo/ AC)
17/06/2017 às 13:25

Com a participação especial do levantador de toadas Arlindo Jr., que será homenageado, as Instituições Educacionais Nelly Falcão de Souza (INFS) realizam neste sábado (17), a partir das 17h, o Arraial INFS 2017.

“Concederemos a esse ilustre artista uma placa simbolizando respeito e agradecimento à sua trajetória, dedicada ao folclore e à cultura do nosso estado”, adianta a diretora das INFS, Nelly Falcão de Souza.



O tema do arraial será “Folclore, Raiz Cultural de Todos os Povos”, e as danças, brincadeiras e comidas de época estarão voltadas para o resgate das tradições, tendo como elemento simbólico a Árvore de São João.

Alunos do maternal até a terceira série do ensino médio, do Pinocchio Centro Educacional e do Colégio Martha Falcão, serão os protagonistas da programação, que está recheada de animação. Os pequenos do maternal irão apresentar a dança portuguesa, enquanto que o primeiro ano trará o ritmo de Boi-Bumbá, com direito à participação do boi Garanchoso, para alegria dos fãs do ritmo amazônico.

“Teremos ainda os alunos apresentando o mamulengo, em que as crianças dançarão com um tipo de fantoche típico do nordeste brasileiro, além de dança indiana, country, carimbó, árabe, forró, mistura de ritmos e anos 60”, informa a diretora. Os finalistas do ensino médio estarão se despedindo do último ano de festa junina na escola com um quadrilhão bastante animado.

 A festa acontece na área de estacionamento onde funciona a sede do Pinocchio Centro Educacional, na rua Natal, 300, Adrianópolis.

 Barracas com comidas típicas, como o tradicional tacacá, bolo de milho e a maçã do amor também não vão faltar no Arraial do INFS, além das brincadeiras de pula-pula, touro mecânico, basquete individual e na pescaria.

Árvore de São João
O elemento simbólico escolhido para a comunicação visual do arraial este ano foi uma árvore, forma de homenagear todas as festas folclóricas existentes em todos os povos do mundo.

A ideia surgiu a partir da percepção de que uma das árvores no entorno da área onde de montagem do palco estava sem vida. “Foi quando encontramos uma única folha verde, bem no alto do que seria a copa da árvore, provando que ela ainda estaria viva e imediatamente surgiu a ideia de transformá-la no símbolo da resistência da cultura popular e o folclore de todas as culturas, ameaçado pelo distanciamento do ser humano de suas próprias raízes, nossa verdadeira essência”, conta o professor e artista plástico Nelson Falcão. 

Segundo ele, a proposta foi também dar outro significado a um importante símbolo das festas de são João no Brasil e na Europa, que são as fogueiras. “A árvore, viva, então tornou-se a nossa árvore de São João, ou a Árvore da Vida”, explica o artista.

*Com informações da assessoria.

https://ssl.gstatic.com/ui/v1/icons/mail/images/cleardot.gif

 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.