Publicidade
Entretenimento
OBRA

Autor amazonense Milton Hatoum lança romance e conversa com estudantes da UEA

No novo livro, a narrativa mescla o drama familiar com a história da ditadura militar para apresentar um grupo de jovens na capital federal entre os anos 1960 e 1970 04/12/2017 às 12:03 - Atualizado em 04/12/2017 às 13:45
Show maxresdefault  1
(Foto: Divulgação)
Alexandre Pequeno Manaus (AM)

O ano de 2017 foi de grandes conquistas para o escritor amazonense Milton Hatoum. Logo no começo do ano, a TV Globo levou ao ar a adaptação em forma de minissérie do seu romance "Dois Irmãos", com Cauã Reymond na pele dos gêmeos Omar e Yaqub. O sucesso de audiência fez com que os livros se esgotassem das prateleiras e elevou o escritor a um nível maior de popularidade. Agora, ele lança sua quinta obra literária, "A Noite da Espera", que é a primeira parte da trilogia “O Lugar Mais Sombrio”. Em Manaus, o livro será lançado hoje, às 18h30 na banca do Largo São Sebastião, ao lado do Teatro Amazonas, no Centro de Manaus. Na terça-feira (5), ele conversa com estudantes da Universidade Estadual do Amazonas (UEA), 10h às 12h.

A obra trata-se do primeiro lançamento do escritor manauara desde “Orfãos do Eldorado”, de 2008. No novo livro, a narrativa mescla o drama familiar com a história da ditadura militar para apresentar um grupo de jovens na capital federal entre os anos 1960 e 1970.  “Os dois primeiros romances são romances de formação. Conta a história de um grupo de jovens em Brasília num período sombrio, que foi a ditadura brasileira. É um drama familiar num pais violento”, afirma.

Milton conta que, no meio do caminho, seu editor Luiz Schwarcz fez uma observação que alterou a ordem da trilogia. “Ele sugeriu que eu começasse pela história do paulista, o Martim, e depois avançasse pra década de 70 na França. Achei ótima e acatei”, diz. Os dois volumes sequentes devem ser lançados em 2018 e 2019, respectivamente.

Para compor o romance, Milton afirma que voltou, pela primeira vez, a Brasília, onde viveu durante dois anos. “Voltei várias vezes, e a penúltima foi em setembro para fazer uma viagem pelo Cerrado e acertar algumas coisas no meu livro. Anteontem estive lá para o lançamento no Bar Beirute, uma espécie de lugar de intelectuais, escritores, jornalistas durante aquela época e decidi lançar lá ao invés de uma livraria”, relata.

Para o lançamento do romance, o autor amazonense faz uma espécie de turnê por algumas cidades do país. “Lancei em São Paulo, Brasília e agora vou lançar aqui em Manaus”, conta. Após passar pela capital do Amazonas, Milton segue em viagem para o Rio de Janeiro, para lançamento no dia 12/12 e Florianópolis no dia 15/12.

Conversa acadêmica

Na terça-feira (5), das 10h às 12h, o autor irá participar de um bate-papo no auditório anexo da Escola Normal Superior (ENS) da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). O evento é aberto à comunidade acadêmica e para interessados na obra do autor. Exemplares da nova obra de Hatoum serão sorteados durante o bate-papo.
“Falarei basicamente sobre literatura e sobre a construção dessa trilogia, focando no primeiro livro. É importante os jovens e estudantes saberem o que é um romance de formação. Hoje em dia, a melhor coisa é conversar e trocar ideias. As pessoas hoje estão acostumadas a agredir verbalmente, acho melhor a gente conversar. A conversa é uma das melhores coisas que existem”, conclui o escritor.

Sinopse

Nos anos 1960, Martim, um jovem paulista, muda-se para Brasília com o pai após um complicado processo de divórcio.

Na cidade recém-inaugurada, trava amizade com um variado grupo de adolescentes, do qual fazem parte filhos de altos e médios funcionários da burocracia estatal, bem como moradores das cidades-satélites, espaço relegado aos verdadeiros pioneiros da capital federal.

As descobertas culturais e amorosas de Martim contrapõe-se à dor da separação da mãe, de quem passa longos períodos sem notícias. Na figura materna ausente, concentra-se a face sombria de sua juventude, perpassada pela violência dos anos de chumbo.

Serviço

O quê: Lançamento do livro 'A noite da espera'

Quando: hoje às 18h30

Onde: Banca do Largo de São Sebastião

Acesso: gratuito

Publicidade
Publicidade