Quarta-feira, 23 de Outubro de 2019
Vida

Baile do Hawaii do Tropical Hotel vira edição especial da 'Pump'

Um dos bailes tradicionais do carnaval manauara será reinventado pela balada eletrônica, que terá duração de 12h na piscina do Tropical Hotel



1.jpg Dirtyloud é uma das atrações nacionais da balada, os mineiros Eduardo Nascimento e Marcus Vinícius Campos estão entre os mais bem vendidos discos do gênero no país
06/02/2015 às 16:24

Neste sábado (7), a festa carnavalesca “Baile do Hawaii”, surge completamente repaginado, apostando no público de baladas eletrônicas, com atrações nacionais e internacionais. A primeira “pool party” da label “Pump” acontece dia 7 de fevereiro, a partir das 11h, na área da piscina do Tropical Hotel Manaus. Ao todo, a organização do evento prevê 12 horas de som.

Um dos DJs locais que estão escalados para a “Pump – Baile do Hawaii” é Matheus Bessa, ou simplesmente DJ Bess. Seus sets contam com Deep House, Tech House e Techno. Numa levada envolvente, Bessa contagia a pista com muita energia. É o primeiro DJ a se apresentar, pontualmente, ás 11h.



Por volta das 14h, quem assume o controle das pick ups é o DJ Fábio Lulinha, que agora adota o nome artístico “Toohoot”. Ele é considerado um dos nomes mais promissores quando o assunto é e-music amazonense. Toohoot desenvolveu gosto e habilidade com a música eletrônica após três anos na Califórnia (EUA). Ali, conheceu profundamente o estilo e começou a “brincar” de fazer suas próprias produções e sets.

Alonso Melo é o DJ que encerra a programação definida para a balada eletrônica de Carnaval, aproximadamente às 22h. No set do DJ local, a vertente underground é a tônica adotada por ele. “Acreditamos que a valorização do DJ amazonense é de extrema importância para fortalecer a cena da e-music no Estado. É claro que as atrações nacionais são indispensáveis, principalmente, para poder mostrar para o grande público tudo aquilo que está acontecendo dentro e fora do Brasil, mas creio que os nossos DJs não deixam nada a desejar”, explica o organizador da “Pump – Baile do Hawaii” e proprietário da Pump Entertainment, Bernard Teixeira.

Os ingressos para a festa eletrônica de carnaval, que conta com vários artistas de fora do Estado no line-up, tais como os duos Simple Jack, DirtyLoud e FelGuk, e o DJ Gabriel Boni, estão no segundo lote para pista (R$60), área vip (R$150) e camarote (R$250). Eles podem ser comprados pela Ingresse, no site oficial da festa e nas lojas Levi's.

Ambiente

Com uma ambientação voltada para o tema “havaiano”, a próxima festa de música eletrônica da label “Pump” acontece no dia 7 de fevereiro, a partir das 11h, ressignificando a marca “Baile do Hawaii”, tradicional folia carnavalesca sediada na área da piscina do Tropical Hotel Manaus.

A intenção, segundo a organização do evento, é atrair novos públicos ao local. Além da decoração “havaiana”, uma estrutura de porte para som e iluminação está prevista para a festa. O traje piscina é obrigatório para o acesso à festa, onde são esperadas aproximadamente três mil pessoas.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.