Quinta-feira, 17 de Outubro de 2019
ONDA MUSICAL

Bandas do AM participam de coletânea musical inspirada no sertão de Pernambuco

Luneta Mágica e Alderia aceitaram convite para fazer parte da coletânea "No Abismo da Alma - Um tributo ao movimento Udigrudi". Obra com estilo psicodélico será lançada no SoudCloud e no Portal Tramp



alderia.jpg Banda Alderia foi escolhida para participar da coletânea (Foto: Divulgação)
13/08/2016 às 11:36

Destaque no cenário musical brasileiro há 40 anos, o movimento Udigrudi, inspirado no estilo psicodélico, será protagonista da coletânea “No Abismo da Alma – Um tributo ao movimento Udigrudi”, prevista para ser lançada no próximo dia 22 de agosto. Das bandas autorais escolhidas pela curadoria do jornalista Leonardo Paladino – proprietário do Portal Tramp (especializado em conteúdo cultural) –, duas amazonenses participarão da releitura da estrutura estética que surgiu no meio do sertão pernambucano.

O grupo Luneta Mágica foi um dos escolhidos e se empenha no processo de gravação, após turnê de 40 dias por capitais do Sul e do Sudeste. A banda chegou a ser destaque do Portal Tramp há pouco tempo.



Vocalista e guitarrista da banda, Erick Omena, diz que o convite foi aceito na hora, especialmente pela identificação dos integrantes – incluindo Pablo Henrique Araújo (vocalista e guitarrista), Daniel Freire (baixista) e Eron Oliveira (baterista) – com artistas que fizeram parte do movimento. “É possível ver influência direta da sonoridade destes caras na música da Luneta Mágica”, detalha. A música escolhida para ser regravada pela Luneta foi “Fidelidade”, retirada do álbum de 1973 de Marconi Notaro, “No Sub Reino dos Metazoários”.

Outra banda que fará parte da coletânea é a recém-formada Alderia, que estreou no cenário local em março deste ano, quando Zé Cardoso (guitarra e voz) e Diego Souza (baixo e voz), que anteriormente eram do Supercolisor, convidaram Viktor Judah (bateria e voz), também membro da República Popular, para fazer parte do projeto. A música representada pelo trio será “Vacas Roxas”, da banda Phetus.

Segundo Diego, os integrantes ficaram felizes com a oportunidade de homenagear artistas que fizeram parte da música psicodélica brasileira, como Zé Ramalho, Lula Côrtes e Geraldo Azevedo. Apesar da influência do estilo, o baixista define que o trio não faz parte necessariamente do movimento. “Vamos lançar o primeiro EP (Banho) agora em agosto e a sonoridade dele mescla a energia do Power Trio com timbres e elementos da música moderna. Hoje em dia, com tanta quantidade de material disponível, é difícil se rotular em um único estilo. E a nossa busca é realmente pela diversidade”, destaca.

Conforme Paladino (blog), que organiza a coletânea, a fonte psicodélica foi inspiração para a maioria dos artistas presentes na coletânea. Disponível para download gratuito, a obra em homenagem ao movimento Udigrudi será lançada tanto no SoundCloud quanto no Portal Tramp.

UdiGrudi

Descrito como contracultura, o movimento não foi baseado apenas na música, mas também em peças teatrais, cinema, artes plásticas e até artesanato. O estilo teve como base a psicodelia.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.