Quinta-feira, 22 de Agosto de 2019
Beleza

Bichectomia: a cirurgia que afila as bochechas

A cirurgia dura aproximadamente 40 minutos e necessita apenas de anestesia local. É feito um corte pela parte interna das bochechas, entre um a três centímetros



1090002.jpg Os cirurgiões-dentistas, com registro regular, também estão habilitados para realizar a cirurgia de bichectomia.
05/06/2016 às 21:58

Embora seja um procedimento centenário, a retirada das bolas de bichat é uma novidade na área da estética. Chamada bichectomia, o procedimento que afina na bochecha está cada vez mais popular, especialmente nas redes sociais após alguns artistas revelarem que transformaram o visual com ela. Com isso, a procura nos consultórios dobrou no último ano, inclusive em Manaus.

Mas, afinal, o que são as bolas de bichat? É tecido adiposo, ou seja, a bolsa de gordura localizada entre o terço médio e inferior da face, a popular  “maçãs do rosto”. “A retirada das bolas promove uma depressão nessa região, o que contribui para acentuação de ângulos e traços faciais”, explica o cirurgião plástico Lucho Montellana.  “Uma vez que essa cirurgia favorece o emagrecimento da face, não é recomendada para pacientes que já possuem o rosto fino. Outras contraindicações seriam pacientes com problemas de saúde como doenças infeciosas ativas”, ressalta o médico, destacando enfermidades como pressão alta e diabetes não controlada, por exemplo.

A cirurgia dura aproximadamente 40 minutos e necessita apenas de anestesia local. É feito um corte pela parte interna das bochechas, entre um a três centímetros. Os dois lados da face são realizados no mesmo dia. “Cabe ressaltar que o procedimento não é isento de riscos e complicações são descritas na literatura como hematomas e paralisia facial. Portanto deve ser realizado por profissional experiente e com treinamento adequado”, reforça Lucho Montellano.
  
Uma das primeiras pacientes a realizar o procedimento em Manaus foi a empresária Rayssa Gadelha, ainda em setembro de 2015. “Por mais que eu emagrecesse, meu rosto continuava cheinho, achava ele muito redondo”, conta. “Na época, poucos profissionais faziam em Manaus. Fiquei muito feliz com o resultado”, lembra a paciente do doutor Lucho.

Como é o procedimento?
Após a a aplicação da anestesia local, é feito um corte entre um a três centímetros pela parte interna das bochechas. É através dessa abertura que a gordura será retirada. A duração da cirurgia é, em média, de 40 minutos.

Na cadeira do dentista

Os cirurgiões-dentistas, com registro regular, também estão habilitados para realizar a cirurgia de bichectomia.  “É o mesmo risco da retirada de um dente do siso. Todo risco é minimizado e pode chegar a quase zero com um bom pré-operatório, realizando todos os exames necessários. Também é indicado para pessoas acima dos 18 anos”, explica o cirurgião-dentista Maurício Ferreira. 

De acordo com ele, o pós-operatório também é similar a de uma extração dentária, sendo necessário repouso, medicamentos prescritos pelo profissional de saúde, afastamento do exercício físico e restrição alimentar sólida nos primeiros dias. “Nós também recomendamos uma drenagem linfática facial e compressa de gelo. Em menos de uma semana, a pessoa já retorna as suas atividades normalmente, dependendo de cada paciente”, detalha.

Maurício Ferreira ressalta que nos primeiros dias o rosto fica com um inchaço. Além disso, o rosto vai afinando gradualmente, o processo total ocorre em  até três meses. “Todo processo de cicatrização, de qualquer procedimento, inclui um edema, um inchaço. Mas tudo vai depender o organismo de cada pessoa”, diz.

O modelo amazonense  Diego Amaranty já percebeu o resultado em apenas cinco dias após a cirurgia. “Minha profissão de modelo exige uma aspecto facial mais elegante e menos infantil, típico do rosto arredondado. Esta sob os cuidados de um profissional qualificado faz toda a diferença”, diz o paciente do cirurgião-dentista.

A engenheira civil Claudia Veiga também fez a cirurgia em Manaus e diz que, mesmo sendo magra, nunca tinha deixado de ser “bochechuda”Confesso que me surpreendeu, deixei de lado até os meus blushs pra fazer contorno com maquiagem”, conta. 

Quem:  Lucho Montellano, cirurgião plástico 

Contato: (92)98431-0103/www.-luchomontella-no.com.br 

Quem:  Maurício Ferreira, cirurgião-dentista

Contato:   (92) 3877-7469 www.mauricio-ferreira.odo.br

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.