Publicidade
Entretenimento
Música

Campeão do The Voice Brasil, cantor Renato Vianna faz show no Teatro Manauara

Com fãs por todo o Brasil, o artista paulista se apresenta em Manaus neste sábado, 7 de maio, a partir das 20h. Os ingressos vão de R$ 40 a R$ 150 05/05/2016 às 09:14
Show 1079060
Renato sempre foi lembrado pela voz rouca e robusta que possui, muito diferente do que se enxerga nos cantores brasileiros, que tendem a ter uma voz mais aguda (Divulgação)
Laynna Feitoza Manaus

O cantor paulista Renato Vianna é a personificação de que nunca se deve desistir de cara após lutar por algo e perder pela primeira vez. É a partir disso que a perseverança do rapaz conquistou fãs pelo Brasil afora mesmo antes de entrar na última edição do The Voice Brasil, e ser consagrado com o prêmio máximo do programa. E ele está prestes a pisar em solo manauara para um show no dia 7 de maio, no Teatro Manauara.

Essa grande parcela dos fãs de hoje que ele possui são também fãs de um ontem com apenas seis anos atrás: antes de participar do The Voice, em 2010 Renato participou do programa Jovens Talentos, do Raul Gil, à época veiculado pelo SBT. Era o principal programa do gênero naquele período e também agraciava algum jovem artista com a gravação de um CD.

“O Renato mostrado no Raul Gil, tinha entrado no programa por um sonho de menino, e não tinha noção do que estava acontecendo. Quanto à parte vocal, já bastante ousado, mas um pouco imaturo no controle vocal”, dispara ele, em entrevista ao BEM VIVER.

Já no The Voice, Vianna se descreve “um cara que já sabia das dificuldades do mercado e, por isso, se sentia mais pé no chão e ao mesmo tempo mais inseguro como citado anteriormente”. “A voz estava mais madura, e as referências musicais estavam mais apuradas”, aponta. Renato ainda chegou a lançar dois discos, “Para Sempre” (2011) e “Estrangeiro” (2013), ambos com forte temática gospel.

“Não tenho cantado músicas dos meus discos anteriores nos shows, mas nada impede que eu cante, caso solicitado. Em um show deste ano me pediram “Estrangeiro” e eu cantei. Já as músicas do The Voice não podem faltar. É muito recente. O povo vai pro show esperando ouvi-las. Não canto todas, mas “When a Man loves a Woman” , “Oh Darling”, e “Por Enquanto” não podem faltar!”, diz ele, sobre o repertório do show em Manaus.

Trabalho

No programa do Raul Gil, Renato ficou em 2º lugar na competição. No The Voice, Renato ganhou R$ 500 mil, um contrato com a Universal Music e agenciamento de carreira. Seus fãs, por sua vez, estão a cada dia mais ansiosos para saber quando virá o disco fruto de sua vitória no concurso.

“Quero tranquiliza-los, pois está demorando devido ao trabalho duro de parcerias e produção que tivemos até agora. Posso adiantar que as músicas já estão praticamente prontas, e quase todos os detalhes acertados para que as rádios do Brasil recebam minha nova música de trabalho para começar a divulgação”, coloca.

A equipe de Renato ainda não tem o nome do trabalho que, a princípio, será um EP. “O segundo projeto que deve ser desenvolvido até o final deste ano é um DVD. A Universal Music me apoiou na ideia de uma parceria com um grande escritório de agenciamento. Ainda não posso divulgar o nome do escritório, mas está quase! (risos). O trabalho não é autoral, mas todas as músicas, pelo menos do EP são inéditas. As meninas do fã clube já cantam os refrãos nos shows”, lembra.

Particularidade

Renato sempre foi lembrado pela voz rouca e robusta que possui, muito diferente do que se enxerga nos cantores brasileiros, que tendem a ter uma voz mais aguda. Sobre isso, o cantor declara que nunca sentiu preconceito.

“Sempre percebi que minha voz foi muito bem aceita. Acho que o canto contemporâneo tem aceitado bem melhor a coisa dos drives. Sei que antigamente isso era um pecado mortal para os professores de canto. Mas na minha geração eu não sinto mais esse preconceito”, pondera.

O artista destaca ainda que nunca temeu o fato de talvez não alcançar alguma nota musical. “Na verdade pela parte vocal, nunca tive medo,    não. Meu medo sempre foi errar as letras e não conseguir contornar a situação... (risos), mas graças a Deus isso nunca aconteceu”, afirma.

Uma situação, porém, o deixou apreensivo. “Quando eu cantei ‘When a Man...’ no primeiro programa do The Voice, estava bastante tenso, mas não pela música, e, sim, porque naquele momento eu ainda não tinha certeza de que queria realmente participar do programa”, coloca.

Renato pensou que poderia não vencer e que, se isso acontecesse, poderia ser pior pra ele, já que não era o seu primeiro programa. “Pedi pra sair após gravar, mas não era possível mais! Imagina se eu tivesse saído? (risos). Senti minha apresentação um pouco tensa devido a essa questão”, assegura.

Serviço

O quê: Show de Renato Vianna

Quando: 7 de maio, a partir das 20h

Onde: Teatro Manauara (Manauara Shopping, Av. Mário Ypiranga)

Quanto: Setor Premium - R$ 150 (meia-entrada/com direito a foto no camarim + copo do evento); Setor A - R$ 70 (meia); Setor B - R$ 40 (meia). Assinante de A CRÍTICA tem 50% de desconto.

Publicidade
Publicidade