Música

Cantora Lorena Simpson assina com a editora Som Livre

Artista amazonense passa a integrar o time de compositores do núcleo, que tem nomes como Ivan Lins e Maria Gadú

Gabrielly Gentil
11/12/2021 às 15:19.
Atualizado em 08/03/2022 às 19:48

(Look usado pela artista no videoclipe ‘Chama que Vem’ (Foto: Demi Brasil/Divulgação))

Hits como “Brand New Day”, “Can’t Stop Loving You” e “This Moment” foram – e continuam sendo – grandes sucessos do cenário musical eletrônico nacional e internacional. A voz e o talento por trás dessas músicas dançantes que marcaram gerações são da amazonense Lorena Simpson. A cantora, dançarina e compositora é uma das maiores e mais premiadas artistas da cena da música eletrônica no Brasil. Recentemente, a artista foi convidada para fazer parte do time de compositores da editora Som Livre, e não esconde o entusiasmo por ter recebido – e aceitado – esse grandioso convite.

“O convite surgiu diretamente do Marcello Lopo, que é A&R da Som Livre e já conhecia meu trabalho desde a minha participação no programa da Xuxa, onde ele trabalhou por anos. Após todo esse tempo que passou, ele não esqueceu de mim e nos contatou com a proposta da editora Som Livre, convite que me deixou muito feliz! Ter uma editora major é uma força grande para a minha carreira e minhas músicas”, enfatiza Simpson.

A editora Som Livre tem na casa grandes nomes, como Carlinhos Brown, Ivan Lins, Maria Gadú, Jorge & Mateus, Wesley Safadão, Lexa, entre outros. Questionada sobre as futuras composições para os artistas da gravadora, Lorena declara que no momento está estudando as possibilidades.

“Principalmente agora, devido ao fato da Som Livre ter fechado acordo com a Sony Music, aumentando bastante a lista de compositores e associados”, comenta. Ela destaca, ainda, que as composições geralmente têm que estar alinhadas com o gênero ou projeto do artista em específico. “Uma composição minha que pode ser a cara de outro artista, pode ser oferecida, aceita ou não; assim como minhas músicas podem ser usadas em novelas, filmes ou séries”, pontua Lorena.

A artista é conhecida por suas músicas em inglês. No entanto, após seus 10 anos de carreira na cena eletrônica, resolveu explorar sua versatilidade musical. Em 2018, ela lançou o primeiro single em português, intitulado “Eu quero mais”. Em 2020, lançou a música “Chama que Vem”, escrita por Vitão. O videoclipe foi gravado no Amazonas, e mistura o belíssimo cenário da floresta amazônica e a música que tem influências de sonoridade e ritmo da cultura indígena do Norte, num verdadeiro “pop amazônico”. Nesse mesmo ano, Lorena foi convidada para ser ‘featuring’ no novo álbum “Deluxe 111” de Pabllo Vittar, com remix oficial da música “Flash Pose”.

Futuros projetos

Apesar de não poder dar muito spoiler sobre as novas composições, nessa nova fase, a artista garante que está em processo de desenvolvimento de músicas novas, uma continuidade ao seu último trabalho “Chama que vem”, o “pop amazônico” com ritmo dançante e fervente. O planejamento para a realização de diversos projetos em 2022 segue a todo vapor. Será que vem lançamentos por aí?

“Sim, com certeza! Nós temos planejamentos para realização de diversos projetos em 2022, que incluem novos lançamentos. Porém, tudo depende de quanto apoio eu vou conseguir para realizar esses projetos, eu ainda sou uma artista independente e preciso de investimentos e patrocínios. A editora foi uma primeira vitória entre muitas que eu almejo. Como artista nortista, eu tenho que enfrentar muitas barreiras na indústria musical para conseguir meu espaço, apoio e visibilidade, mas mesmo assim, eu acredito porque ‘Sou do Norte, sou forte e vou conseguir’”, completa.

Sobre ela

Lorena Simpson é uma artista completa: canta, dança e compõe. Seus grandes hits como “Brand New Day” e “Can’t Stop Loving You”, em parceria com DJ Filipe Guerra, foram alguns dos responsáveis pelo sucesso da carreira da cantora, que lotou casas de shows em todo o Brasil e grandes eventos na América Latina, Europa e Estados Unidos.

A artista tem um grande alcance nas redes sociais: são 125 mil seguidores no Instagram, 176 mil no Facebook e 39 mil no YouTube, que totalizam mais de 16 milhões de visualizações. Ao longo da carreira, colaborou com inúmeros produtores musicais e DJs, em mais de 20 feats musicais, 35 milhões de streams e views nas plataformas digitais como Spotify, Youtube e Deezer.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
© Copyright 2022Portal A Crítica.Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por
Distribuído por