Publicidade
Entretenimento
CULTURA

Caprichoso e Garantido são protagonistas em evento mundial realizado na França

Artistas de boi-bumbá como Zezinho Correa, Luciano Brasil e Leonardo Castelo se apresentaram na Assembleia Mundial da Saúde Animal na tarde desta segunda-feira (21) 21/05/2018 às 17:51
Show fran a
Foto: Divulgação
acritica.com Manaus (AM)

O Amazonas esteve representado na 86ª Sessão Geral da Assembleia Mundial da Organização Internacional de Saúde Animal, que ocorreu na noite (tarde no Brasil) desta segunda-feira (21) em Paris, na França. Por meio da Empresa Estadual de Turismo (Amazonastur), o Governo do Estado promoveu o Festival Folclórico de Parintins para uma plateia de 500 convidados especiais, entre autoridades internacionais e estudiosos do setor.

Artistas como os cantores Zezinho Correa (do grupo Carrapicho), Luciano Brasil (do Boi Caprichoso) e Leonardo Castelo (do Boi Garantido) animaram os convidados mostrando porque a festa de Parintins é considerada um dos maiores festivais folclóricos do mundo. Além desses artistas, dançarinos dos grupos Corpo de Dança Caprichoso e Somos Um Show também fizeram parte da apresentação.

Para o artista Valdir Santana, ex-pajé do Boi Caprichoso e que faz parte da comitiva do Amazonas no evento, o Governo do Estado, ao promover o Festival de Parintins no exterior, demonstra o quanto respeita e aposta na festa criada por caboclos que residem às margens do maior rio do mundo, o Amazonas.

"Me emociono muito ao lembrar que uma festa tão simples ganhou grandes proporções. Quero agradecer ao governador Amazonino Mendes por apostar novamente em nosso potencial. Caprichoso e Garantido, serão eternamente gratos por tudo que ele fez e continua fazendo pela nossa Ilha", disse Valdir Santana.

O cantor Leonardo Castelo reconhece que o trabalho promocional do Estado e do Festival de Parintins ganharam novamente força. "Desde o Carnaboi, a gente percebeu que o trabalho seria diferente. E agora posso falar que além de ser diferente, está sendo maravilhoso, pois os bois são conhecidos pelo mundo afora e este trabalho só vem fortalecer a imagem da festa e do Estado", destacou o cantor encarnado.

Orientação

O presidente da Amazonastur, Orsine Junior, disse que o trabalho promocional do Festival Folclórico de Parintins e do Destino Amazonas seguem as orientações do governador Amazonino Mendes.

"O governador tem um carinho muito especial pelo Festival de Parintins. Há 30 anos ele foi visionário ao construir o Bumbódromo na Ilha. E hoje, além de novamente apostar na festa, ele tem trabalhado muito para transformar o turismo como uma nova matriz econômica para o Estado", disse Orsine.

O cantor Zezinho Correa, do Grupo Carrapicho, que tem uma legião de fãs em toda Europa e não só em Paris, afirmou que apostar na cultura e no turismo é o principal caminho para consolidar o Destino Amazonas. "Parece que estou revivendo o sucesso do 'Tic Tic Tac', investir nesses segmentos nunca é demais e o Governo do Amazonas mostra que está atento a esse setor, quem ganha com isso não é só Parintins, mas todo o Estado", completou.

OIE

A Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) declara oficialmente o Brasil como País Livre da Febre aftosa com vacinação, nesta quinta-feira (24). A diretora-geral Monique Eloit entregará o certificado sanitário ao ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi.

Além da Amazonastur, o Governo do Amazonas está representado no evento por integrantes do Sistema Sepror e da Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Amazonas (Adaf). Na ocasião, o Estado também receberá o certificado internacional Livre de Febre Aftosa.

Em dezembro do ano passado, o governador Amazonino Mendes recebeu do Ministério da Agricultura o certificado nacional de livre de febre aftosa com vacinação. A certificação internacional se deu graças ao compromisso assumido pelo governador Amazonino diante das exigências impostas pelo ministério. O reconhecimento para o Amazonas garante o aumento e a valorização da arroba do boi e do litro de leite em até 30%, além de abrir as portas para a comercialização de animais e de subprodutos para outros estados e países.

Publicidade
Publicidade