Quarta-feira, 17 de Julho de 2019
Vida

Caprichoso levará para a Arena a história de criação do boi nos três dias de Festival

Os temas das três noites foram divulgados em coletiva de imprensa realizado na tarde desta quinta-feira (27) na Escola de Arte Irmão Miguel de Pascale, do boi azul e branco



1.jpg O Caprichoso é motivo de paixão para membros da nação azul e branca
27/06/2013 às 18:26

A história do boi Caprichoso e as pessoas que transformaram uma brincadeira de rua em um grande festival serão os temas abordados nas três noites do 48º Festival Folclórico de Parintins. Os temas das três noites foram divulgados em coletiva de imprensa realizado na tarde desta quinta-feira (27) na Escola de Arte Irmão Miguel de Pascale, do boi azul e branco.

Segundo o diretor de arena do Caprichoso a primeira noite falará da chegada de Roque Cid à Parintins e a transformação do bumba meu boi do nordeste brasileiro no boi-bumbá de Parintins.

A segunda noite mostrará o Caprichoso nos dias atuais e as evoluções que o boi sofreu nas últimas décadas.

Na terceira e última noite do festival, o boi azul e branco trará uma projeção para os próximos cem anos de festival.

Emocionada, a presidente do boi Caprichoso, Márcia Baranda, ressaltou as dificuldades dos últimos meses, em especial, na chegada do material para construção das alegorias. “As dificuldades foram imensas e tivemos inúmeras adversidades. O Caprichoso não vem para brincar na arena, ele vem para levar o titulo do centenário e torna-se bicampeão”, disse.

O Caprichoso encerra as duas primeiras noites do festival e abre a noite da última apresentação. O Festival Folclórico tem início na próxima sexta-feira (28).

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.