Publicidade
Entretenimento
Vida

Chapeuzinho Vermelho vive Natal diferente em espetáculo deste fim de semana, em Manaus

Datada pela diretora como uma comédia voltada para pais e filhos, o espetáculo tem seu início quando a mãe da Chapeuzinho leva um panettone para a casa da avó, como uma das preparações para a passagem do Natal na casa da matriarca  17/12/2014 às 09:12
Show 1
Pitty Webo atuou no espetáculo "Confissões de Adolescente" e na novela "Mulheres Apaixonadas", onde viveu a personagem Marcinha
Laynna Feitoza Manaus, AM

E se o lobo mau não morrer no final? A tônica dramática da versão original do conto de “Chapeuzinho Vermelho” perde força em uma nova versão, dirigida e adaptada pela atriz carioca Pitty Webo e que chega aos palcos do Teatro Manauara neste sábado (20) e domingo (21). Intitulada “O Natal de Chapeuzinho Vermelho”, a obra é revisitada na atmosfera natalina e na modernidade das crianças atuais com muito bom humor. 

Datada pela diretora como uma comédia voltada para pais e filhos, o espetáculo tem seu início quando a mãe da Chapeuzinho leva um panettone para a casa da avó, como uma das preparações para a passagem do Natal na casa da matriarca da família. “Já o lobo mau (vivido pelo ator Kadu Moratori) não tem onde passar o Natal, e a Chapeuzinho cruza com ele tem e tem toda a brincadeira dela se assustar com o lobo, mas no desfecho há um final feliz”, afirma Pitty. 

Na sua adaptação, Webo, que vive a protagonista da história, lida também com um tema bastante atual: o bullying. “Acho o desfecho da história original muito cruel, porque o lobo morre no final. Na minha adaptação o lobo não é mau; na verdade, recebeu esse apelido porque sofreu bullying na escola”, comenta a atriz, que vive a protagonista, lembrando que recepção das crianças ao novo formato do conto é a melhor possível. “Nas apresentações, as crianças acabam gostando muito”, acrescenta.

Detalhes

O cenário contém um misto das gerações existentes na trama: a casa da mamãe, a floresta e a casa da vovó de Chapeuzinho. “Como são três gerações, a história fala da geração da mãe e vó (interpretadas pela atriz Heloisa Migliavacca) e filha. É como se elas copiassem alguns aspectos seus de uma geração para outra. Na casa da mamãe, por exemplo, tem rosas. Na da vovó, há violetas. No palco, reproduzimos a noite em meio à floresta montada no palco”, completa ela.

Serviço

o quê: Espetáculo "O Natal da Chapeuzinho Vermelho"
onde: Teatro Manauara (Manauara Shopping, Av. Mario Ypiranga, 1.300, Adrianópolis)
quando: 20 (às 15h) e 21 de dezembro (às 17h)
quanto: R$ 40 (meia)
infos: (92) 3342-8030

* Confira a reportagem completa no Caderno Bem Viver desta quarta-feira (17)




Publicidade
Publicidade